WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura de pocoes



junho 2022
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  


cobra produtora marcus solla acougues angelica

:: ‘Bahia’

Professora do CJCC de Vitória da Conquista concorre a Prêmio Professor Transformador

A professora de Matemática e Educação Financeira no Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC) de Vitória da Conquista, Adriana Sousa, é semifinalista no Prêmio Professor Transformador. Docente da rede estadual há 24 anos, ela se inscreveu na premiação com o projeto “É da $ua conta?!”, concebido para atender às solicitações, necessidades e demandas dos estudantes em relação aos conhecimentos sobre educação financeira. O prêmio é promovido, conjuntamente, pelo Instituto Significare, Bett Educar e Base2Edu, com o objetivo de valorizar e divulgar práticas de educadores que estão contribuindo para transformar a Educação brasileira, tanto em escolas públicas quanto nas privadas.

“Ser selecionado em meio a projetos incríveis de todo o Brasil é uma imensa alegria. É o reconhecimento do trabalho realizado pelos e com os nossos estudantes do CJCC Conquista”, comemora Adriana. Conforme a educadora, seu papel transformador tem no CJCC uma importante base pedagógica. “Os Centros Juvenis de Ciência e Cultura são projetos inovadores da rede estadual de ensino da Bahia. São verdadeiros laboratórios de aprendizagem e inovação, através dos quais os estudantes têm liberdade de estudar e pesquisar o tema que quiserem. Como professora deste espaço, posso orientá-los e também desenvolver ainda mais minhas inquietações, curiosidades e ações educacionais criativas e desafiadoras”.

O curso “É da $ua Conta?!”, explica, foi elaborado para atender às necessidades no que se refere à mobilização de conhecimentos na administração financeira pessoal/familiar e conscientização do papel dos estudantes e seus familiares perante à sociedade. Originalmente, o projeto foi concebido para o formato presencial. Com a pandemia, o curso foi ressignificado e adaptado para o formato on-line, sem perder a metodologia dialógica em que todos interagem e aprendem com todos e com atividades práticas, como a construção do cofrinho com materiais recicláveis e desenvolvimento de multilinguagens, a exemplo da criação de histórias em quadrinhos, vídeos, jogos e aplicativos digitais, Wiki e criação e publicação de podcast (https://anchor.fm/adrianacjcc).

Já no formato on-line, o projeto foi realizado no ambiente virtual de aprendizagem Moodle (http://cjccvc.org), permitindo a construção de um ambiente mais acolhedor, divertido e próximo do universo dos  estudantes (emojis e quadrinhos, por exemplo), como destacou a professora Adriana. “As interações ocorreram de forma síncrona, por meio do Google Meet, e assíncronas, através de fórum de discussões para o aprofundamento de conceitos e compartilhamento de produções; diário de bordo; sentimentos; efeitos dos conhecimentos adquiridos nas ações familiares; wiki (produção coletiva de histórias); e mural interativo (padlet). Além destes recursos, foi utilizado o WhatsApp para a comunicação direta com os estudantes.

Sobre a premiação – A seleção dos 12 finalistas (três de cada categoria: Educação Infantil, Ensino Fundamental I, Ensino Fundamental II e Ensino Médio) será no próximo dia 28. A divulgação nacional dos três finalistas (em cada categoria) está marcada para o dia 3 de março. Em maio deste ano, haverá o Encontro Bett 2021 – Prêmio Transformador, com a premiação e revelação dos três vencedores de cada categoria, que serão premiados com R$ 7 mil, troféu, participação na Bett Educar 2022; divulgação do projeto vencedor em matéria especial para veiculação na mídia; e o certificado “Escola que acredita na transformação pela Educação”. Já os segundos e terceiros colocados em cada uma delas receberão R$ 2.500 mil; troféu; e a oportunidade de apresentar seus projetos na edição de 2022 da Bett Educar.


Foto: Divulgação
Assessoria de Comunicação

Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Urgente Poções: Dois óbitos foram confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde na data de hoje (31/01), totalizando 82 mortes por complicações causadas pela doença.

Poções registrou, até esta segunda-feira (31/01), o total de 5354 casos confirmados da Covid-19. Destes, 4484 estão recuperados e 788 continuam em recuperação.

No momento, são investigados outros 23 casos notificados como suspeitos.

Dois óbitos foram confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde na data de hoje (31/01), totalizando 82 mortes por complicações causadas pela doença.

O 81º óbito trata-se de uma idosa, de 89 anos, residente em Poções, que faleceu no Hospital São Lucas.

O 82º óbito trata-se de outra idosa, também de 89 anos, residente em Poções, que faleceu na Unidade de Pronto Atendimento do município.

As duas vítimas possuíam comorbidades e estavam vacinadas, sendo uma delas com apenas 01 (uma) dose.

A Prefeitura de Poções reitera à população que continue com os cuidados de prevenção, fazendo o uso da máscara, a higiene das mãos e evitando aglomeração. Para tanto, ressalta a importância da vacinação com as 03 (três) doses.

Bahia registra recorde de casos ativos de Covid-19 desde o início da pandemia; veja dados das últimas 24h

Além disso, 1.727.312 casos foram descartados e 307.295 estão em investigação. Na Bahia, 57.126 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Os dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h deste sábado.

O boletim completo está disponível no site da Sesab e no Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento a Bahia tem 11.098.647 pessoas vacinadas com a primeira dose, 264.334 com a dose única, 9.421.060 com a segunda dose e 2.323.758 com a dose de reforço.

Do público de 5 a 11 anos, 56.315 crianças já foram imunizadas.

Leitos

Bahia tem 29.670 casos ativos de Covid-19 e 28 óbitos registrados; veja dados das últimas 24h — Foto: Reprodução/ TV Bahia

A Bahia tem 1.411 leitos ativos para tratamento da Covid-19. Desse total, 912 estão com pacientes internados, o que representa taxa de ocupação geral de 65%.

Desses leitos, 594 são de UTI adulto e estão com taxa de ocupação de 70% (414 leitos ocupados).

Nas UTIs pediátricas, 22 das 29 vagas estão com pessoas internadas, o que representa taxa de ocupação de 76%. Os leitos clínicos para adultos estão com 59% de ocupação e os infantis, com 71%.

Em Salvador, dos 442 leitos ativos, 343 estão ocupados (78% de ocupação geral). A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto é de 68% e o pediátrico está em 85%.

Ainda na capital baiana, os leitos clínicos para adultos estão com 87% de ocupação e, os pediátricos, estão com 71%.

ATENÇÃO: Hospital de Base está superlotado e pede que pacientes sejam encaminhados para outras unidades hospitalares.

O Hospital Geral de Vitória da Conquista emitiu nesta sexta-feira (28) um comunicado de superlotação. A unidade de saúde, que é um das maiores do interior da Bahia, está sem vagas no pronto socorro, na sala de reanimação, sem pontos de oxigênio disponíveis, sem leitos para testamento de pacientes com Coronavírus e sem vaga na sala de medicação.

Com a superlotação, o hospital solicita que outros pacientes sejam encaminhadas pada outros hospitais que pertencem ao Sistema Único de Saúde, pois a equipe técnica já não tem mais condições de tratar dos pacientes de forma adequada.

Os corredores e a recepção da emergência já estão sendo utilizados para alocar os pacientes, o que mostra a gravidade da situação. Conforme apurou o Blog do Sena, o painel epidemiológico mantido pelo Governo do Estado, mostra que 100% dos leitos de UTI adulto destinado a pacientes com Coronavírus estão ocupados. Já a ocupação dos leitos clínicos já atingiu 89%, isto é, dos 18 leitos disponíveis, 16 já estão ocupados.

Apesar de o aviso ter sido emitido pelo Hospital de Base, outras unidades já estou próximas da ocupação máxima. No Hospital das Clínicas de Conquista, 65% dos leitos de UTI destinados a paciente com Coronavírus estão ocupados.

O aumento da demanda por serviços de saúde se dão em face do aumentos dos casos de Coronavirus e de outras infecções virais.

Força Solidária II PM leva móveis e eletrodomésticos para famílias de Dário Meira

Apoio: Materiais foram entregues após equipes da Cipe Central receberem um chamado especial de uma doadora de Jequié.

Equipes da Companhia Independente da Polícia Militar (Cipe) Central entregaram, na manhã desta quarta-feira (12), móveis e eletrodomésticos para famílias do município de Dário Meira.

A doação dos materiais partiu de uma moradora de Jequié, que acionou a Cipe e informou sobre o desejo de contribuir com a campanha ‘Força Solidária II. Ela disponibilizou cinco camas, três televisores, um colchão e 20 cobertores para famílias do município.

Conforme o comandante da unidade, major Ricardo Silva, rapidamente os policiais se mobilizaram e foram ao encontro da doadora. “Avaliamos se os equipamentos estavam em perfeito estado, colocamos nas caçambas das viaturas e levamos até a cidade”, disse.

Dário Meira foi escolhida para receber os materiais, pois é considerada uma das cidades mais afetadas pelas cheias na região. Os materiais foram levados para o Centro de Referência da Assistência Social (Cras) responsável pela triagem e acompanhamento das famílias.

“Após esse contato, descarregamos os donativos e esperamos que as famílias possam ter um recomeço mais digno. Não posso deixar de agradecer a doadora que, com muita solidariedade, apoiou essas famílias”, concluiu Silva.

Fotos: Divulgação SSP

Assessoria de Comunicação
Secretaria da Segurança Pública da Bahia

Governo do Estado amplia ações emergenciais para 177 municípios

As ações do Governo do Estado continuam sendo executadas no sentido de dar trafegabilidade às comunidades rurais, onde agricultores e agricultoras familiares precisam continuar escoando a sua produção. O valor de R$ 12,4 milhões, já garantidos pelo governo estadual para a recuperação das estradas vicinais, deverá aumentar nos próximos dias, com a ampliação de 140 para 177, do número de municípios com decreto de emergência em vigência.

Desta forma, as ações executadas, via convênios com as prefeituras municipais, estão avançando, com mais de 60 planos de trabalho já entregues e alguns já publicados no Diário Oficial do Estado, desta terça (11). A celeridade na operacionalização dos convênios é resultado de uma metodologia implantada pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), para evitar o excesso de burocracia e dar segurança jurídica ao processo.
O chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, disse em reunião com prefeitos municipais e representantes dos consórcios dos Territórios de Identidade Sertão Produtivo, Bacia do Paramirim, Sudoeste Baiano e Velho Chico nesta terça (11), que a expectativa é iniciar os pagamentos o mais rápido possível.
“O nosso objetivo maior é dar acessibilidade aos locais. Ou seja, queremos que o agricultor e a agricultora familiar levem a sua produção para a cidade e tragam os insumos e, assim, sucessivamente. Ou seja, entra alimento, sai alimento. Entra insumo, sai insumo. É isso que a gente quer provocar aí nesse mês. Por isso, essa ação emergencial foi ampliada”, explicou Ribeiro.
No total, os recursos destinados para essa ação serão de R$ 50 mil a R$ 120 mil, a depender da extensão territorial de cada município. Os valores emergenciais serão destinados para a aquisição de combustíveis e apoio na locação de maquinários para a recuperação de estradas vicinais. O prefeito de Iuiu, Reinaldo Góes, elogiou os esforços. “A gente agradece muito a chegada desse recurso, pois já vai ajudar nos trabalhos de desobstrução de diversos pontos das nossas estradas”.
Prefeitura conveniada
O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, parabenizou o governador Rui Costa que, via SDR, devido às fortes chuvas que atingiram o Sul do estado, está apoiando a recuperação das estradas vicinais. “Nossa Itacaré mesmo foi atingida muito gravemente, então, nós estamos recebendo um recurso, uma ajuda, para cuidarmos das nossas estradas vicinais, que é onde o homem do campo, os agricultores, trazem os seus produtos para a feira. Então, esse apoio do Governo do Estado, via SDR, veio em um bom momento”. Itacaré é o primeiro município a assinar convênio, com recurso no valor de R$ 80 mil.
A estratégia emergencial para o atendimento aos agricultores e agricultoras familiares, de comunidades rurais atingidas pelas fortes chuvas, conta com o apoio e a mobilização dos consórcios públicos do: Baixo Sul (Ciapra), de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul (CDS), Intermunicipal da Mata Atlântica (CIMA), Regional de Infraestrutura (Construir), de Desenvolvimento Sustentável da Costa do Descobrimento (Condesc), de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá (Convale), Intermunicipal do Sudoeste da Bahia (Cisudoeste), Intermunicipal do Médio Rio das Contas (Cimurc), Intermunicipal do Vale do Rio Gavião (Civalerg), de Desenvolvimento Sustentável do Território de Identidade do Médio Sudoeste da Bahia (Cotemesb), de Desenvolvimento Sustentável Alto Sertão (CDS Alto Sertão), Intermunicipal de Desenvolvimento do Circuito do Diamante da Chapada Diamantina (Chapada Forte) e de Desenvolvimento Sustentável da Bacia do Paramirim (CDS Bacia do Paramirim).

Chuvas na Bahia: CNM pede reconhecimento de calamidade à União em rito sumário

Chuvas na Bahia: CNM pede reconhecimento de calamidade à União em rito sumário

 

Diante do agravamento das chuvas de dezembro, que já causam estragos em mais de 70 Municípios do sul e sudeste da Bahia, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) cobra da União o reconhecimento sumário de todos os decretos municipais de calamidade no Estado baiano. A entidade encaminhou ofício ao Ministério de Desenvolvimento Regional, responsável pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil.

A CNM aguarda o reconhecimento em rito sumário (urgente e sem burocracia) dos decretos municipais de calamidade, o que permitirá aos Municípios afetados o direito legal de solicitar recursos financeiros para ações de reabilitação e reconstrução das áreas atingidas. Em solidariedade aos Municípios baianos e em apoio à União dos Municípios da Bahia (UPB) e as microrregionais do Estado, o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, e toda a diretoria da entidade reúnem esforços para ajudar as gestões locais. “O apoio da União é um direito de todos os Municípios e da população. É urgente o reconhecimento federal da situação de calamidade e o envio de recursos para que os prefeitos consigam socorrer seus cidadãos”, reforça Ziulkoski.
De acordo com a Lei 12.608/2012, que rege o Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sinpdec), nos casos de desastres naturais, é dever da União e dos Estados apoiar os Municípios nas ações de enfrentamento à situação de calamidade e de buscas, socorro e assistência humanitária, monitoramento, prevenção, recuperação e reconstrução.

 

Balanço
A Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec/BA) informou à Confederação que, até o início da tarde de 27 de dezembro, havia 16 mil pessoas desabrigadas, 19 mil estavam desalojadas e 18 perderam suas vidas, além de mais de 430 mil pessoas afetadas. Por ora, 72 Municípios decretaram Situação de Emergência que foram reconhecidas pelo governo estadual, porém, ainda não por parte da União.

Ações das prefeituras

As prefeituras dos Municípios afetados já decretaram situação de emergência e criaram seus gabinetes de crise, com objetivo de intensificar os trabalhos de resposta e avaliação dos danos e prejuízos causados. A CNM está à disposição dos Municípios afetados e tem auxiliado os gestores na decretação de situação de emergência e na orientação para entrega de toda documentação necessária exigida pela legislação do Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (SINPDEC).
Essa documentação deve ser entregue por meio do Sistema Integrado de Informações Sobre Desastres (S2ID), que é coordenado pela Sedec/MDR para solicitação de apoio técnico e financeiro ao governo federal para ações de reabilitação e reconstrução das áreas afetadas pelo desastre.

Acesse aqui a lista de Municípios atingidos na Bahia até 27/12/2021, segundo Sudec/BA.

 

Da Agência CNM de Notícias

ATENÇÃO-Houve novo deslizamento de material na Serra do Marçal, precisamente no KM 72 da BA 263

Suspensão no fornecimento de energia elétrica interrompe abastecimento de água em Planalto

Divulgação/ASCOM Embasa

Na tarde deste domingo (26) a Embasa comunicou que o abastecimento de água no município de Planalto está temporariamente interrompido devido a falta de energia elétrica na adutora responsável pela captação da água.

Na nota a Embasa pede para que a população economize água. A Coelba já foi acionada para realizar a manutenção.

GOVERNO DO ESTADO COLOCA A CIDADE DE POÇÕES EM ESTADO DE EMERGENCIA MAIS 46 MUNICIPIOS BAIANO

Em Ilhéus, na tarde deste domingo, o governador Rui Costa assinou novo decreto estadual que inclui mais 47 cidades na lista de municípios em situação de emergência em decorrência das chuvas intensas que atingem a Bahia neste mês de dezembro. Até ontem, 25 cidades faziam parte da lista. Com a atualização de hoje, já são 72 as cidades baianas nas quais os efeitos da chuva resultaram na medida.

Passam a fazer parte da lista os municípios de Anagé, Angical, Arataca, Aurelino Leal, Barra do Choça, Belo Campo, Brejolândia, Caatiba, Caetanos, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Cotegipe, Dário Meira, Firmino Alves, Floresta Azul, Gandu, Governador Mangabeira, Ibicaraí, Ibipeba, Igrapiúna, Iguaí, Ipiaú, Itabuna, Itaju do Colônia, Itapé, Itapetinga, Itapitanga, Itaquara, Itororó, Jequié, Jussiape, Lafaiete Coutinho, Manoel Vitorino, Marcionílio Souza, Milagres, Pau Brasil, Poções, Santanópolis, Santa Inês, Sapeaçu, Ubaíra, Ubatã, Uruçuca, Valença, Vitória da Conquista e Wanderley.

Já estavam em situação de emergência as cidades de Alcobaça, Belmonte, Caravelas, Eunápolis, Encruzilhada, Guaratinga, Ibicuí, Ibirapuã, Ilhéus, Itabela, Itagimirim, Itamaraju, Itanhém, Itapebi, Jucuruçu, Lajedão, Macarani, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Porto Seguro, Prado, Santa Cruz Cabrália, Teixeira de Freitas e Vereda.

O decreto assinado pelo governador Rui Costa será publicado ainda neste domingo na versão digital do Diário Oficial do Estado e tem validade de 90 dias. Com a publicação, fica autorizada a mobilização de todos os órgãos estaduais para apoiar as ações de resposta ao desastre, reabilitação do cenário e reconstrução das cidades.

Ampliação da força-tarefa
Com o aumento do número de cidades atingidas pelas fortes chuvas, o Governo do Estado ampliou mais uma vez a estrutura de apoio às vítimas. Além de Ilhéus, as cidades de Itapetinga, Vitória da Conquista, Ipiaú e Santa Inês também contam com postos avançados para facilitar o trabalho dos bombeiros. Em Itamaraju, continua funcionando o gabinete avançado do Estado para dar assistência aos municípios do extremo sul.

Até o momento, o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia confirmou 18 mortes em decorrência das chuvas. O governador Rui Costa está no sul da Bahia desde a manhã deste domingo (26), sobrevoando regiões alagadas e se reunindo com as equipes de socorro para tomar decisões de emergência.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia