WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura de pocoes



julho 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


cobra produtora marcus solla acougues angelica fabricio

:: 14/jul/2021 . 19:57

Atenção: DJ Ivis acaba de ser preso após agressões contra ex-mulher

Revelação do momento, o cantor DJ Ivis foi preso nesta quarta-feira (14) em Fortaleza após os vídeos de agressões contra a ex-mulher, Pamella Holanda, serem divulgados por ela nas redes sociais.

Nas redes sociais, o governador Camilo Santana confirmou a prisão do artista:

“Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido”, publicou Camilo.

Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis, vai ser submetida a um novo exame de corpo de delito para que seja definida a gravidade das lesões sofridas após as agressões do artista.

No último domingo, Pamella publicou vídeos em que leva chutes, socos e puxões de cabelo durante uma briga do casal e fez BO em 3 de julho na delegacia da cidade de Eusébio, na Grande Fortaleza.

Direto da redação Rede Boquira News

PM emite nota parcial sobre as buscas aos ciganos homicidas

Logo após o assassinato dos policiais militares na data de ontem (13), um homem, posteriormente identificado como sendo um dos autores e pai de alguns dos outros participantes, deu entrada no Hospital de Base de Vitória da Conquista, com lesões provenientes de disparos de arma de fogo, onde permanece sob cuidados médicos e custodiado.

No período da tarde, uma guarnição da 92ª CIPM realizou a condução à DP (B.O. 109/21 – DH) de cinco familiares dos envolvidos, que se encontravam no local do crime, sendo destes, três mulheres, um homem e um adolescente, os quais à autoridade policial adotou algumas medidas legais.

Ainda ontem, denúncias davam conta do paradeiro dos criminosos no distrito industrial e dentro da cidade de Vitória da Conquista, bem como da possibilidade de deslocamento para outros municípios do Sul e Sudoeste baiano.

Durante buscas houve confronto armado no povoado da Lagoa das Flores, nesta, com um dos envolvidos, o qual foi alvejado e não resistiu aos ferimentos, e na manhã de hoje houve mais um confronto armado, dessa vez na cidade de Itiruçu – BA, com dois dos envolvidos, que não resistiram aos ferimentos, estando de posse de um dos veículos automotores envolvido no crime.

Outros veículos utilizados pelos perpetradores já haviam sido localizados e apresentados à DP, para adoção das medidas legais cabíveis.

Segundo denúncias via 190 e levantamentos, os demais envolvidos encontram-se homiziados na Zona Rural de Vitória da Conquista – BA, onde foram estabelecidos pontos de bloqueio e cerco policial, com apoio aéreo do GRAER e de aeronaves remotamente pilotadas – drones, e as buscas continuam.

Os Policiais Militares vitimados foram sepultados hoje, sendo o Ten PM Neves nas proximidades do povoado da Jibóia, nesta, e o Sd PM Robson Brito na cidade de Ibiassucê – BA, onde foi decretado luto oficial, devido ao ocorrido.

Desde o Crime foi estabelecido um gabinete de crise na sede do CPRSO para coordenação da operação. | Fonte: ASCOM/CPRSO

Atenção: Aulas presenciais da rede estadual na Bahia voltam no dia 26 de julho

As aulas da rede estadual de ensino irão retornar, de forma semipresencial, no dia 26 de julho, em toda a Bahia. O ano letivo 2020/21, que já estava em andamento através do ensino 100% remoto, irá adotar um modelo híbrido em que as turmas serão divididas e os estudantes terão aulas em dias intercalados, com um grupo indo às escolas nas segundas, quartas e sextas, e o outro, nas terças, quintas e sábados. Nesta quarta-feira (14), o secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, conversou com a imprensa em uma coletiva virtual e tirou dúvidas sobre a retomada das atividades escolares.

“Nós seguiremos todos os protocolos de segurança, evitando aglomerações, com ocupação de 50% nas salas de aula, nos ônibus e em qualquer ambiente em que haja necessidade de juntar estudantes, servidores e professores. Nos casos em que a escola tiver uma sala menor, que não tenha condição de comportar metade da turma sem respeitar o distanciamento adequado, nós reduziremos ainda mais essas turmas. Toda as medidas para evitar contágio serão tomadas, desde a chegada e a permanência na escola, durante a alimentação e até a mesmo na saída dos estudantes”, explicou o secretário.

O secretário afirmou que com o retorno às aulas presenciais, as escolas fornecerão merenda escolar reforçada aos alunos. “Na próxima semana, faremos um curso para merendeiras e cozinheiras, sobre o cuidado com o uso de máscara. Nós vamos fortalecer a quantidade e a qualidade da alimentação, para garantir que os estudantes possam ter uma refeição no momento da chegada, um almoço ou lanche na saída. É claro, para os estudantes que já têm em casa uma boa alimentação, não é necessário, mas os estudantes que precisarem e quiserem terão acesso a esse lanche reforçado”.

Bolsa Presença

Durante a conversa, o secretário confirmou a manutenção do Bolsa Presença, benefício que garante mensalmente um crédito de R$ 150 para os estudantes com famílias inscritas no CadÚnico e em condição de vulnerabilidade socioeconômica. “O programa prevê seis parcelas de R$ 150, todos os meses, todo dia 10, e o governador Rui Costa já disse que caso seja necessário, nós podemos prorrogar esse benefício por mais seis meses. A lei que foi aprovada na Assembleia Legislativa (Alba), nos dá essa garantia. Se no decorrer deste ano ainda, não tivermos condições de voltarmos as atividades totalmente presenciais, poderemos prorrogar”, afirmou o secretário.

Concurso

O secretário Jerônimo Rodrigues declarou ainda que o Governo do Estado irá zerar o chamamento do concurso de 2017. “Iremos convocar todos os professores e coordenadores pedagógicos que estavam no final da lista para zerar o concurso. Nós também chamaremos professores no regime REDA para suprir as vagas necessárias nas escolas, na educação especial, na educação profissional, educação indígena”.

 

Urgente: Jovem morre ao sofrer choque elétrico quando lavava carro em Campo Alegre

Jovem Rafael Tavares (Foto: Reprodução / Redes sociais)

O estudante universitário Rafael Tavares, de 23 anos, faleceu na tarde desta terça-feira (13), após sofrer uma descarga elétrica enquanto lavava um carro em Campo Alegre, município situado no Agreste de Alagoas.

A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação do Ministério Público de Alagoas (MP-AL), órgão no qual o jovem era estagiário há cerca de um ano. O MP emitiu uma nota de pesar após o episódio.

Segundo informações divulgadas, Rafael foi encontrado por familiares, já sem sinais vitais, mas ainda sim foi levado ao hospital. Tentativas de reanimação foram feitas, mas o rapaz não resistiu.

Rafael Tavares cursava Direito e era neto do ex-prefeito Jorge Cavalcante Madeiro. A atual gestão da Prefeitura de Campo Alegre também emitiu uma nota de pesar em apoio a família do jovem.

Atenção: Polícia Militar divulga resultado definitivo da prova de redação do concurso público

 

A Polícia Militar divulgou, na noite dessa terça-feira, 13, o resultado definitivo da prova de redação do concurso para o ingresso no Curso de Formação de Praças (CFP) da Polícia Militar do Estado do Tocantins (PMTO) e também dá andamento à segunda fase do certame, com a convocação dos candidatos para a prova prática instrumental e para o exame de capacidade física. A lista com o resultado e a convocação pode ser conferida no Diário Oficial do Estado do Tocantins.

De acordo com o cronograma do concurso, a prova prática instrumental para os candidatos convocados do quadro de músicos, será realizada nos dias 19, 20 e 21 de julho, no Quartel do Comando Geral (QCG), a partir das 7h45 do dia 19, com previsão de término às 12 horas do dia 21. E o exame de capacidade física para os candidatos do quadro operacional e saúde ocorrerá do dia 20 a 23 de agosto.

Para os exames de capacidade física, serão convocados 1.620 candidatos do sexo masculino do quadro operacional, 180 candidatos do sexo feminino do quadro operacional e 150 para os candidatos do quadro de saúde e músicos (masculino e feminino).

O candidato deverá, obrigatoriamente, acessar o endereço eletrônicohttps://www.cebraspe.org.br/concursos/, a partir do dia 17 de agosto de 2021, para verificar o seu local de realização do exame de capacidade física, por meio de consulta individual, devendo, para tanto, informar os dados solicitados.

No dia do exame, o candidato deve estar trajando roupa apropriada para prática de atividade física (tais como: camiseta, calção ou bermuda, tênis e meias, sunga, maiô em peça única e touca para natação), munido de documento de identidade original e de atestado médico (original ou cópia autenticada em cartório), em que deverá constar, expressamente, que o candidato está apto a realizar o exame de capacidade física. Não haverá segunda chamada para a realização do exame de capacidade física. O não comparecimento ao exame implicará na eliminação do candidato do concurso.

Vale lembrar que para a classificatória serão adotados todos os protocolos necessários para o combate à disseminação do novo Coronavírus, causador da Covid-19, como o uso obrigatório de máscara, álcool em gel, medição de temperatura e distanciamento entre os candidatos.

Concurso

O concurso público da Polícia Militar do Tocantins (PMTO) oferece mil vagas para o cargo de soldado (praça), sendo 950 do quadro operacional, 25 do quadro de músicos e outros 25 para o quadro da saúde, sendo 20 técnicos em enfermagem e cinco técnicos em saúde bucal.

As provas foram realizadas no dia 6 de junho de 2021e em torno de 28 mil candidatos compareceram aos locais de provas para provimento das vagas. As próximas etapas são a avaliação psicológica, avaliação médica e a investigação social.

As datas e os períodos estabelecidos no cronograma são passíveis de alteração, conforme necessidade e conveniência da PMTO e da empresa organizadora do certame, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Caso haja alteração, será previamente comunicada por meio de edital.

 

Urgente: Três dos seis ciganos acusados de assassinar policiais morreram em confronto com a polícia; dois morreram nesta manhã

Mais dois dos seis ciganos envolvidos na morte do Tenente Libarino e Soldado Brito foram mortos em confronto com o Cipe (Companhia Independente de Policiamento Especializado do Sudoeste) nesta quarta-feira (14). Eles foram localizados na região de Itiruçu, onde morreram.

Ontem, um cigano identificado como Ramon da Silva morreu em confronto com a polícia no bairro Lagoa das Flores.

O tenente Libarino tinha 34 anos, era casado e deixa um filho. Já o Soldado Brito tinha 30 anos, também era casado e tinha um filho. Ambos foram assassinados nesta terça-feira (13), no distrito de José Gonçalves.

O Coronel Ivanildo conclama população de Conquista a colaborar na investigação da morte de policiais: “Quem tiver informações, denuncie”

Durante o velório do Tenente Luciano Libarino na manhã desta quarta-feira (14), o Coronel Ivanildo da Silva concedeu uma entrevista em que comentou publicamente pela primeira vez sobre o homicídio dos policiais por ciganos, ocorrido no distrito de José Gonçalves na tarde de ontem.

“Estamos passando por um momento de luto, de muita tristeza”, declarou. Ele também destacou que os policiais foram mortos enquanto cumpriam o seu trabalho, “desempenhando seu papel com muita galhardia. Nós ficamos muito sentidos com a situação”.

O Coronel também fez uma conclamação: “Aqueles que tiverem informações sobre os indivíduos que cometeram o ato, por favor denunciem e nos ajudem a cumprir nosso papel, que é conduzir a delegacia e deixar que a justiça seja feita da melhor forma”, afirmou.

Os policiais assassinados no distrito José Gonçalves na tarde de ontem (13) se chamavam Luciano Libarino, tenente da Polícia Militar e Robson Brito, soldado. Os dois estão sendo velados com muita comoção desde a noite dessa terça-feira.

Em situações de violência doméstica, o agressor pode ser preso?, Caso DJ Ivis

As imagens da agressão de DJ Ivis contra a esposa Pamella Holanda na frente da filha de nove meses e da mãe de influencer viralizaram e chocaram milhares de pessoas através das redes sociais neste domingo (11). Diante de imagens tão fortes, muitas pessoas questionaram o motivo do músico não ter sido preso até então.

De acordo com a advogada da esposa do DJ Ivis, as agressões que são vistas nos vídeos ocorreram antes de Pamella registrar um boletim de ocorrência. O episódio de violência que culminou na denúncia por parte da vítima ocorreu no dia 1º de julho.

Em um comunicado enviado à imprensa, a Secretaria da Segurança Pública do Ceará (SSPDS) informou que Pamella registrou a queixa no dia 3 de julho e a Justiça do estado determinou medidas protetivas em favor da vítima no dia 5 de julho.

A prisão em flagrante configura-se quando a pessoa está praticando o crime ou logo após a prática. Não existe prazo legal para que a prisão em flagrante ocorra. Dentro deste contexto, é necessário uma sequência temporal curta entre o fato e o chamado a polícia.

Em entrevista ao portal iBahia, Bianca Alves, advogada Criminalista, Presidente da Comissão de Direito Penal e Processo Penal da ABA RJ, coordenadora do GT de enfrentamento à violência de gênero da OAB Mulher do RJ e fundadora do @Justica_Delas, explicou que o agressor só pode ser preso em flagrante caso a polícia chegue no ato ou momentos após o crime. No caso de Dj Ivis, como a denúncia foi feita alguns dias após a agressão, o músico não foi preso.

“Isso não impede que haja uma prisão preventiva posteriormente, caso a Justiça entenda que o suspeito se enquadre nos requisitos presentes do artigo 312 do Código Penal. A prisão cautelar no Brasil é uma medida de exceção. O comum é o suspeito responder o processo solto e a detenção só ocorre mesmo quando há uma condenação. Mas, caso o pedido de prisão seja requerido, ele pode ser preso sim”, explicou a advogada.

Bianca explicou ainda que quando a vítima possui lesões corporais, uma medida cautelar protetiva é geralmente dada a favor da mulher.

“Existem vários tipos, não só o afastamento de corpo, de 200 metros. Há também retirada do agressor do lar, a proibição dele acessar as redes sociais da mulher, existe a proibição do suspeito tentar falar com a vítima por telefone… Nessas situações, essa medida é concedida rapidamente, mas a prisão em si acontece normalmente quando há flagrante. Isso evita que a situação se agrave, a agressão seja maior e haja um feminicídio”.

Comprovação e denúncia

Durante a entrevista, Bianca também pontuou que os casos de violência contra a mulher acontecem todos os dias e, na maioria das vezes, as vítimas conseguem comprovar o crime.

“A mulher é muito desacreditada e a gente precisa mudar essa forma de pensar das pessoas que precisamos ter uma prova contundente nesses casos. A palavra da vítima tem que ter uma relevância maior nesses casos de violência. A mulher está dentro de casa, ela não tem como gravar, ela não tem nada”, ressaltou Bianca.

O crime de lesão corporal, no âmbito da Lei Maria da Penha (que visa proteger judicialmente às mulheres da violência doméstica), não depende da representação da mulher, ou seja, qualquer pessoa pode denunciar e há um fator de agravamento do crime.

A advogada reforçou ainda que as pessoas que presenciam crimes como esse e não denunciam, elas praticam sim o crime de omissão.

“Muitas pessoas acham que não tem que interferir em casos de violência doméstica. As pessoas precisam entender que omissão é crime, há previsão no código penal, e a gente pode denunciar independente se conhecemos a pessoa ou não ou até mesmo se estamos na dúvida se é um caso de violência ou não”, concluiu.

Caso seja julgado pelo crime contra a integridade corporal de outro, Artigo 129 da Lei 2848. Dj Ivis poderá cumprir de 3 meses a 3 anos de detenção.

Atenção: Novos Efeitos Colaterais São Associados Às Vacinas Contra Covid-19

A FDA, agência que regula medicamentos nos Estados Unidos, irá incluir um novo evento adverso raro na bula da vacina contra Covid-19 da Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson. Segundo informações do The New York Times, as autoridades federais americanas identificaram cerca de 100 casos suspeitos de síndrome de Guillain-Barré entre os receptores da vacina. Após analisar os casos, eles concluíram que o risco de desenvolver a doença após a vacina é baixo, mas parece ser de três a cinco vezes maior que entre a população em geral.

Diante disso, a agência planeja incluir o problema como um dos possíveis efeitos colaterais raros do imunizante, mas reitera que os benefícios da vacina ainda superam qualquer perigo. A síndrome de Guillain-Barré é uma doença do sistema nervoso que causa paralisia temporária. Considerada de caráter autoimune, ela pode surgir em qualquer momento da vida e ser desencadeada após uma infecção. Seu início também já foi associado a outros imunizantes. A condição é reversível, mas pode deixar sequelas em 20% dos pacientes e matar 5% dos acometidos.

Em comunicado divulgado nesta segunda-feira,12, os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC, na sigla em inglês) disseram que a maioria dos casos ocorreu cerca de duas semanas após a vacinação e principalmente em homens, muitos com 50 anos ou mais. Até o momento não há relatos entre a síndrome e outras vacinas contra o novo coronavírus, como a da Pfizer-BioNTech ou Moderna. Por outro lado, seis casos da doença foram relatados na Austrália, após a administração da vacina de Oxford-AstraZeneca, que utiliza tecnologia semelhante à da vacina da Janssen. No entanto, ainda não há comprovação de que o imunizante britânico possa causar a doença.

Outros eventos adversos

Essa não é a primeira vez que eventos adversos raros são associados às vacinas contra Covid-19 e incluídos na bula. No início do ano, as vacinas da Janssen e de Oxford-AstraZeneca, feitas a partir de vetor viral, foram associadas a casos raros de trombose. O efeito colateral foi considerado raro, mas incluído na bula e o imunizante passou a ser contraindicado para determinados públicos, como gestantes.

Recentemente, a vacina da Pfizer-BioNTech e a da Moderna, feitas a base de mRNA, foram associadas a casos de miocardite, uma inflamação no coração, e pericardite, inflamação na membrana que envolve o coração, em pessoas jovens. O problema também foi incluído na bula destes imunizantes.

Benefícios superam os riscos

Apesar de todas as descobertas, autoridades de saúde e especialistas são categóricos em afirmar que os benefícios das vacinas aprovadas superam os riscos. “A EMA [agência que regula medicamentos na União Europeia] confirma que os benefícios de todas as vacinas autorizadas contra a Covid-19 continuam a superar seus riscos, dado o risco da própria Covid-19 e de suas complicações, e das evidências científica que mostram que elas [as vacinas] reduzem as mortes e hospitalizações devido à Covid-19″, escreveu a Agência Europeia de Medicamentos, em comunicado publicado na última sexta-feira, 9, após concluir que os casos de inflamação no coração estão associados aos imunizantes de RNA mensageiro.

“A vacina tríplice bacteriana, a tríplice viral e outras vacinas tem vários eventos adversos. Muito mais do que as que a gente está tomando agora. E todo mundo toma [essas vacinas] porque elas salvam mais vidas do que colocam em risco. E nós nunca estivemos tão expostos a risco como estamos nessa pandemia. Não tem que ter dúvida, tem que tomar a vacina”, disse a pesquisadora Sue Ann Costa Clemens, professora da Universidade de Oxford e consultora sênior da Fundação Bill e Melinda Gates, em entrevista à VEJA sobre o assunto.

Recentemente, a Anvisa publicou orientações sobre como notificar eventos adversos raros possivelmente associados à vacina. A agência também explica que as vacinas são seguras, mas como são “tecnologias novas, de produtos inovadores, é dever da autoridade sanitária prezar pelo monitoramento deles para verificar sua segurança e efetividade. Essa ação não surgiu com a pandemia do novo coronavírus. O acompanhamento de produtos para saúde introduzidos no mercado sempre foi feito por uma equipe técnica especializada. É a razão de existir da gerência de Farmacovigilância da Anvisa. Ocorre que, no caso da Covid-19, esse cuidado tem de ser intensificado devido ao uso em larga escala de vacinas de diferentes origens, aplicadas ao mesmo tempo, para imunização de toda a população brasileira”, diz a agência.

Para quem sentiu algum desconforto após a vacinação e acredita que o sintoma pode está relacionado ao imunizante, a recomendação é acessar o sistema eletrônico VigiMed e notificar a suspeita de evento adverso.

Conquista: Quatro pessoas são baleadas na noite de terça-feira e duas morreram

Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas após serem baleadas, na noite dessa terça-feira (13), em Vitória da Conquista.

A primeira situação aconteceu em José Gonçalves. Mãe e filho foram baleados dentro de uma casa. O filho, identificado como Adenilson Almeida morreu no local. A mãe foi socorrida para o hospital.

Também foram baleados dois homens no Vila Bonita. Um deles morreu ainda no local. O outro foi socorrido para o hospital.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia