Imagem: Reprodução/Arquivo pessoal

 

Um garoto de 10 anos foi atacado e morto por cães de guarda, nesta quarta-feira (25), em um terreno abandonado em Americanópolis (zona sul da capital paulista).

Segundo testemunhas relataram ao site Agora São Paulo, Luiz Fernando Teixeira pulou o muro para pegar uma pipa no terreno de uma empresa, por volta das 14h, e foi atacado por seis cães (quatro pit bulls, um rottweiler e um vira-lata), que “tomavam conta” do local.

Um rapaz de 20 anos que teria tentado socorrer a criança acabou ferido e foi levado ao Hospital Municipal Doutor Arthur Ribeiro de Saboya, no Jabaquara, também na zona sul. As infor

Uma viatura da PM foi até o local assim que informada do ataque. Foi feito um disparo contra um dos cães, que foi abatido. “Assim, conseguiu-se acessar o menino. O socorro foi acionado de imediato”, disse Ferreira Júnior.

O helicóptero Águia da PM foi até o local para levar socorro até a criança, que não resistiu ao ataque. “Por cerca de meia hora, tentou-se fazer voltar os batimentos cardíacos, mas foi infrutífero, ele morreu no local e agora estamos preservando o corpo”, disse o capitão.

Durante o socorro, mais dois cães foram mortos a tiros ao tentar atacar os PMs e outros três se refugiaram no canil.

Fonte:Bahia.ba