WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



dezembro 2020
D S T Q Q S S
« nov    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  





cobra produtora marcus solla acougues angelica fabricio


:: ‘Brasil’

Valor zerado na conta de energia; veja se você tem direito, confira aqui! |EmpregabilidadeBrasil..com

Diante do enfrentamento à Covid-19, doença que se espalhou por quase todos os países do globo, o governo brasileiro criou benefícios para favorecer à população mediante à crise econômica provocada pelo coronavírus, considerando que o comércio precisou ser barrado para evitar o aumento do surto.

Uma das medidas criadas pelo governo foi o auxílio emergencial, que visa beneficiar milhões de brasileiros com a quantia de R$ 600,00 mensais pelo tempo de três meses. O valor pode ser dobrado se a pessoa for chefe de família.

Outra forma de reduzir o impacto financeiro foi a isenção na conta de energia. Os cofres públicos serão disponibilizados para as famílias carentes e do país e liberarão a quantia de R$ 900 milhões para a quitação das faturas de luz de grande parte da população.
Para ter direito ao benefício, o cidadão deve ser encaixar em algum dos requisitos, como estar dentro do Cadastro Único e receber até R$ 522,50 por mês, ser idoso com 65 anos ou ter com deficiência recebendo o Benefício de Prestação Continuada (BPC), ter até três salários mínimos, com pessoa portadora de doença ou patologia em que o tratamento ou procedimento médico exija o uso continuado de equipamentos que funcionam com energia elétrica.

Além disso, indígenas e quilombolas contam com 100% de desconto se tiverem consumo mensal de até 220 kWh. O recurso do governo será disponibilizado pelo período de três meses, abril, maio e junho, assim como o auxílio emergencial. O programa tem sido pelo Ministério de Minas e Energia e o Ministério da Econom

Moro diz à PF que foi alvo do gabinete do ódio e liga Carlos Bolsonaro a grupo investigado

Foto; Divulgação

por Marcelo Rocha

O ex-ministro Sergio Moro (Justiça) disse à Polícia Federal que ouviu de ministros palacianos comentários sobre a ligação do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), o filho 02 do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), com o chamado “gabinete do ódio”.

Moro afirmou ainda que foi alvo de ataques do grupo após ter deixado o cargo. O depoimento foi prestado à polícia no último dia 12 no inquérito dos atos antidemocráticos que tramita no STF (Supremo Tribunal Federal). O teor do interrogatório foi revelado pelo jornal O Globo e confirmado pela reportagem.

O inquérito foi aberto em março do ano passado pelo então presidente do STF, Dias Toffoli, para apurar o uso de notícias falsas para ameaçar e caluniar ministros do tribunal.

Carlos é investigado sob a suspeita de ser um dos líderes de grupo que monta notícias falsas e age para intimidar e ameaçar autoridades públicas na internet. A Polícia Federal também investiga a participação de seu irmão Eduardo Bolsonaro, deputado federal pelo PSL de SP.

O “gabinete do ódio” é responsável por parte da estratégia digital bolsonarista. A existência do grupo foi revelada pelo jornal Folha de S.Paulo em setembro do ano passado. O jornal mostrou que o bunker ideológico está instalado numa sala no terceiro andar do Palácio do Planalto, a poucos passos do gabinete presidência.

Moro foi convocado porque na época dos fatos em apuração ele era o titular da Justiça. A apuração busca elucidar o envolvimento de familiares e apoiadores do presidente com as manifestações que pediam fechamento do STF e do Congresso.

No Twitter, Carlos reagiu às declarações de Moro à PF. O vereador disse que “não há qualificação para mais essa tentativa boçal. Saudades de viver em um mundo em que homens eram homes”.

Embora tenha atribuído a “ministros do Palácio do Planalto” os comentários sobre a ligação de Carlos com o “gabinete do ódio”, Moro não indicou os nomes dos ex-colegas à polícia.

“Quando de sua saída no Ministério da Justiça ocorreram diversos ataques contra sua pessoa em redes sociais; que chegou a seu conhecimento que tais ataques eram oriundos do denominado ‘gabinete do ódio’”, afirmou o ex-ministro.

A Folha de S.Paulo mostrou no dia 25 de abril, logo após a demissão de Moro, que investigações identificaram indícios do envolvimento de Carlos no esquema de notícias falsas, também vinculado ao gabinete do ódio.

O ex-ministro disse também à PF que os comentários de ministros palacianos relacionavam, além de Carlos, Tércio Arnaud Tomaz ao “gabinete do ódio”. Tércio é atualmente assessor especial da Presidência e atuou na campanha de Bolsonaro em 2018.

No mesmo inquérito, Carlos disse à polícia que foi apresentado a Tércio Arnaud pelo próprio pai em 2017, em razão do conhecimento do hoje assessor especial sobre redes sociais. Tércio chegou a atuar como no gabinete de Carlos na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

Sob a relatoria do ministro Alexandre de Moraes, o inquérito foi aberto a partir de um pedido da PGR (Procuradoria-Geral da República).

A PF tem feito progressos na coleta de informações sobre a organização e o patrocínio desses atos, ocorridos seja em ambiente virtual, seja nas ruas do país –um deles, no mês de abril em Brasília, em frente ao QG do Exército, contou com a presença do presidente Bolsonaro.

Apura-se crimes previstos na Lei de Segurança Nacional, de 1983, entre eles “fazer, em público, propaganda de processos violentos ou ilegais para alteração da ordem política ou social” ou “incitar à subversão da ordem política ou social ou à animosidade entre as Forças Armadas ou entre estas e as classes sociais ou as instituições”. As penas podem chegar a 4 anos de prisão.

Evidenciada pelos interrogatórios realizados nos últimos dois meses, uma das linhas de apuração é tentar esclarecer o envolvimento de assessores diretos do presidente.

Tragédia em SP: Batida entre ônibus e caminhão deixa ao menos 41 mortos

 O tenente Alexandre Guedes, da Polícia Militar, afirmou em entrevista à CNN que o acidente ocorrido na região de Taguaí, no interior de São Paulo, nesta quarta-feira (25), é o pior do ano em número de mortes registrado nas estradas paulistas.

Pelo menos 41 pessoas morreram na colisão entre um ônibus e um caminhão na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP-249), segundo o Corpo de Bombeiros. O acidente ocorreu às 6h30 da manhã desta quarta-feira (25), no Km 171 da pista norte.

“É uma ocorrência muito grave, o maior acidente do ano com vítimas fatais”, afirmou Guedes. “Ainda não temos a quantidade exata de pessoas que estavam dentro do ônibus, seriam funcionários de uma empresa de jeans”.

Segundo o tenente, o número de vítimas fatais pode subir. “Inicialmente, chegou que seriam 53 pessoas [no total envolvidas no acidente, entre mortos e feridos], e agora que 45 pessoas estariam envolvidas”.

Pelo menos 15 pessoas foram socorridas e encaminhadas para hospitais da região.

O ônibus saiu de Taquarituba (SP) e tinha como destino a cidade de Fartura (SP).

De acordo com o portal UOL, o ônibus que pertence a empresa Star Turismo que sofreu um acidente na manhã desta quarta-feira (25), colidindo com um caminhão na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre os município de Taguaí e Taquarituba, na região de Avaré, no interior de São Paulo, seria uma espécie de “lotação”, contratada pelos funcionários da Stattus Jeans Indústria e Comercio Ltda. A informação, segundo o UOL, é do advogado da indústria têxtil, Emerson Fernandes.

Ainda segundo Emerson Fernandes, em entrevista ao UOL, o coletivo não possuía ligação com a empresa têxtil, e que teria sido contratada pelos funcionários da indústria, como se fosse, segundo Fernandes, uma lotação para vir ao trabalho em Taguaí.

Os cerca de 45 passageiros do ônibus, moravam no município de Itaí, como informou o advogado da indústria têxtil, por outro lado, a Polícia Militar Rodoviária, informou 53 passageiros a bordo. O Corpo de Bombeiros de São Paulo que ainda seguem no atendimento da ocorrência até o meio-dia, ao menos 40 mortos foram confirmados.

Uma lista recebida pelas equipes de resgate aponta que 50 trabalhadores estariam no ônibus, além do motorista. A polícia trabalha na identificação das vítimas.

De acordo com a TV TEM, o motorista do caminhão bitrem foi socorrido com vida e levado ao pronto-socorro de Fartura. O médico intensivista Gabriel Ortega conta que foi deslocado da UTI do hospital de Taquarituba para o pronto-socorro. De seis pacientes levados ao hospital pela manhã, dois morreram no caminho.

Por determinação do Governador João Doria, o Coordenador da Defesa Civil do Estado, Coronel Walter Nyakas Júnior, e os Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e de Saúde, Jean Gorinchteyn, estão a caminho de Taquarituba, região onde houve um grave acidente envolvendo um ônibus e um caminhão. Além de prestar solidariedade às vítimas e familiares, os secretários foram coordenar os resgates, assim como visitar os hospitais onde estão as vítimas, agilizar a liberação dos corpos e iniciar uma apuração sobre as causas do acidente.

A Prefeitura de Taguaí decretou luto oficial de três dias nas repartições públicas do município em razão do acidente e lamentou as mortes na página oficial do Facebook.

A Prefeitura de Itaí, segue também em luto e já prepara a ajuda nos velórios dos moradores que perderam a vida no acidente.

A empresa do ônibus Star Turismo ainda não se posicionou sobre o acidente. Ficando o espaço disponível para o pronunciamento da empresa.

Com informações do UOL, Band News TV, TV TEM, CNN Brasil, Prefeitura de Itaí, Prefeitura de Taguaí e Governo do Estado de São Paulo

Morre aos 69 anos oapresentador e jornalista esportivo Fernando Vanucci

 

Morreu nesta terça-feira em São Paulo, aos 69 anos, o jornalista Fernando Vanucci. Locutor, apresentador e comentarista esportivo, Vanucci deixa quatro filhos. A causa da morte ainda não foi divulgada. Velório e sepultamento devem ocorrer no Rio de Janeiro.

Fernando Vanucci trabalhou na Globo Minas entre 1973 e 1977. Em seguida, passou a trabalhar no Rio de Janeiro, apresentando diversos programas, como Globo Esporte, RJTV, Esporte Espetacular, Jornal Nacional, Jornal Hoje e Fantástico.

Na passagem pela Globo, Fernando Vanucci cobriu seis Copas do Mundo: 1978, 1982, 1986, 1990, 1994 e 1998. Ainda ficou marcado pela criação do bordão “Alô, você!”.

Ele também trabalhou em TV Bandeirantes, TV Record e Rede TV. Com informações do site GE.

Morre Francisco Camargo, pai dos sertanejos Zezé e Luciano

Francisco de Camargo com filhos Zezé e Luciano – publicadas nas redes sociais em 9 de agosto — Foto: Reprodução/Instagram

Pai de Zezé di Camargo e Luciano, Francisco José de Camargo, de 83 anos, morreu na noite de segunda feira (23), após 14 dias internado em hospital particular em Goiânia. A informação foi confirmada pela assessoria da dupla na manhã desta terça-feira (24).

Por meio de nota, o Hospital Órion informou que o paciente morreu às 23h05 por causa de uma parada cardiorrespiratória e uma “instabilidade hemodinâmica”.

Em comunicado lamentando a morte do idoso, a assessoria dos sertanejos informou que o velório deve ser às 10h no Jardim das Palmeiras, em Goiânia. O sepultamento está marcado para as 17h.

Velório e enterro de Francisco de Camargo serão restritos à família

Por meio das redes sociais, famosos lamentam a morte de Francisco

Também de acordo com a assessoria, Zezé já está na capital goiana. Luciano, que mora em São Paulo, testou positivo para Covid-19 e está em isolamento em casa.

Seu Francisco estava internado desde o último dia 10 de novembro, quando sentiu dores no intestino. Quatro dias depois, ele precisou passar por uma cirurgia de emergência para estancar um sangramento no órgão. No dia, Zezé e Luciano estavam em Goiânia para acompanhar de perto a evolução do quadro.

Segundo o irmão dos cantores, Emanoel Camargo, o pai havia começado a retirada dos sedativos na quinta-feira (18).

Apesar dos filhos famosos, ele só ficou conhecido nacionalmente em 2005, após o lançamento do filme “Dois Filhos de Francisco”, que contou a história dele e de sua família.

Francisco Camargo deixa a esposa, Helena Siqueira de Camargo, de 75 anos, e oito filhos: Mirosmar José de Camargo (Zezé), Marlene José de Camargo, Wellintgton Camargo, Emanoel Camargo, Luciele de Camargo, Welson David de Camargo (Luciano), Wesley José de Camargo e Walter José de Camargo. Outro filho do patriarca da família, Emival Camargo, que foi a primeira dupla com Zezé, morreu em 1975 em um acidente de carro.

Ele também tinha dez netos, incluindo a cantora Wanessa Camargo – filha de Zezé -, e bisnetos.

Internações

Nos últimos anos, Seu Francisco convivia rotineiramente com problemas de saúde e internações. Em março de 2018, ele ficou mais de um mês no hospital devido a uma pneumonia.

Já em fevereiro deste ano, Seu Francisco chegou a ser internado para tratar uma infecção decorrente de um enfisema pulmonar. Ele ficou oito dias no hospital e chegou a ocupar um leito de UTI.

2 Filhos de Francisco

O filme “2 Filhos de Francisco” foi lançado em 2005 nos cinemas brasileiros e contou a história de vida da dupla Zezé di Camargo e Luciano e o esforço do pai para tornar a dupla famosa no mundo da música sertaneja. O ator Ângelo Antônio foi o responsável por viver o papel de Francisco. Já a atriz Dira Paes foi a responsável por viver a esposa dele, Helena.

Segundo sites especializados em cinema, o longa foi assistido por cerca de 6 milhões de pessoas e arrecadou aproximadamente R$ 34 milhões.

Comunicado da assessoria de Zezé di Camargo e Luciano sobre morte de Francisco

Seu’ Francisco se despede com a certeza de missão cumprida

Nascido em Sítio Novo, no interior de Goiás, o homem que um dia presenteou os colegas de trabalho da obra, na construção civil, com fichas telefônicas, sob a condição de que eles usassem as moedas para ligar na principal rádio de Goiânia pedindo pela canção chamada “É o Amor”, despediu-se de nós, nesta segunda feira (23), aos 83 anos, com a sensação de dever mais do que cumprido.

Desde que começou a multiplicar filhos com Dona Helena, “seu Francisco” preparava com afinco a dupla sertaneja com que tanto sonhava. Primeiro fez de Emival, o segundo filho, par de Mirosmar, o primogênito, mas, quis o destino que Emival saísse de cena precocemente. Só muitos anos depois, o Seu Francisco foi ver Mirosmar alinhado com o Welson David, ambos atendendo já como Zezé Di Camargo e Luciano.

A essa altura, o amor já era algo que mexia com a nossa cabeça e o nosso coração, e fazia a gente “entender que a vida é nada sem você”. Neste momento, diante da partida do pai, os filhos todos de Francisco – Mirosmar José, Emmanoel José, Marlene, Wellington, Walter, Welson David, Werlei e Luciele entoam justamente esse verso, certos de que a vida não seria nada sem ele e a parceria da mãe, a guerreira dona Helena, que tem amparado os filhos e netos com uma força descomunal.

De origem extremamente humilde, Seu Francisco viveu bem e o bastante para experimentar a maior das dores – a perda de um filho – e a mais gratificante das vitórias, que é o alcance do êxito absoluto dos filhos. Teve sua história contada em filme visto por a grande consagração dos filhos. Ainda há poucos dias, contabilizaram-lhe, em uma mesa, os quase 7 milhões de pessoas que foram assistir a esse enredo só no cinema. Salve!

O pai do Seu Francisco chamava-se Onofre Francisco. Ele pensava que Francisco fosse sobrenome e foi batizando todos os filhos com Francisco: Vicente Francisco, Liberato Francisco… O impasse se deu quando quis batizar um deles justamente com o nome de Francisco. Não podia ser Francisco Francisco. E então ficou Francisco José, acrescido de Camargo. E assim ele formou com honra o clã que todos amam.

Foi embora um homem simples, que deixou um grande exemplo de superação com um legado de honestidade!     Essas informações são de Vanessa Martins, G1 GO.

Teste da coronavac atingem a fase final com número mínimo de infectados no Brasil

Por: Igor Gielow / Folhapress
O estudo da fase 3 da Coronavac, o imunizante chinês trazido ao país pelo governo de São Paulo, atingiu o número mínimo de voluntários infectados para poder ter a análise de sua eficácia realizada. 
A expectativa do Instituto Butantan, patrocinador da pesquisa no país, é de que o Comitê Internacional Independente que acompanha o ensaios divulgue o quão efetiva é a vacina na primeira semana de dezembro.
Se tudo correr bem e ela funcionar, os dados serão enviado imediatamente para a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Se aprovado no prazo expresso esperado pela emergência sanitária, em janeiro haverá 46 milhões de doses compradas da China prontas para serem aplicadas a partir de janeiro.
Se todas forem aplicadas, metade da população do estado pode estar vacinada logo no começo do ano.
Contraíram o novo coronavírus 74 dos 10.800 voluntários até aqui, acima do mínimo de 61 necessários para a chamada abertura do estudo. Agora será feito o cotejamento da evolução da infecção com o fato de eles terem tomado a vacina contra a Covid-19 ou um placebo, algo que nem os pacientes, nem os pesquisadores sabem de antemão.
A partir daí será estipulada a eficácia da vacina em regime preliminar, que permitirá o pedido de registro para uso emergencial na pandemia à Anvisa, que exige no mínimo 50% de cobertura do imunizante.
Nos estudos das fases 1 e 2, feitos com 50 mil pessoas no país de origem da Coronavac, a China, a eficácia superou os 90% – índice semelhante foi divulgado nesta segunda (23) pela sueco-britânica farmacêutica AstraZeneca em seus resultados preliminares da fase 3 no Reino Unido e no Brasil.
Outras duas vacinas, das americanas Pfizer e Moderna, também se mostram altamente eficazes contra a doença, que no Brasil matou quase 170 mil pessoas este ano.
A fase 3 dos estudos da Coronavac na China está prevista para acabar até o fim deste mês, segundo o laboratório Sinovac, que criou o imunizante.
A questão do registro da Coronavac é contenciosa. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem criticado o imunizante chinês, que ele vê como um trampolim de popularidade para seu rival João Doria (PSDB), o governador paulista que manda no Butantan.
Na semana retrasada, a suspensão dos estudos da fase 3 da Coronavac gerou polêmica, porque não foi avisada pela Anvisa ao Butantan e dizia respeito a uma morte não relacionada com a vacina em si. Os testes foram retomados em seguida, mas o mal-estar permanece.
No domingo, o Ministério da Saúde relacionou cinco imunizantes que poderá vir a comprar para distribuir no pais – o governo já tem um acordo para a aquisição de 100 milhões de doses da vacina da AstraZeneca, para produção local na Fiocruz. A Coronavac não estava na lista.
Isso gerou contrariedade entre membros do governo paulista, que veem perseguição política contra o imunizante de origem chinesa, que será feito a partir do ano que vem, se for eficaz, no Butantan.
Doria conta agora com o sucesso dos ensaios no Brasil e o registro na China, se a vacina se mostrar mesmo eficiente, para criar um fato consumado e driblar o que considera pressão política de Bolsonaro contra a Coronavac.

A pior traição é aquela que vem de onde a gente menos espera[ ADRIANO CRUZ]

Esperar uma rasteira de um desafeto é razoável, agora ser traído por alguém que estimamos é uma facada que rasga o coração.

Acaba que, levantar desse tombo, é bem mais difícil justamente porque aquele que deveria nos defender dos golpes do inimigo é quem nos fere de forma covarde.

Covarde porque a gente não espera, não está preparado e, principalmente, porque está com as defesas baixas pela confiança que o afeto causa

Então, você confessa todas as suas fraquezas a um amigo, revela dores escondidas, planos e pecados, vai construindo, através dos anos e das confidências, uma relação que você acredita ser real, forte, da qual tem muito orgulho e, de repente, vem a traição e… BUM!, explode a doce ilusão de uma cumplicidade que, na verdade, nunca existiu.

A primeira sensação é de que não pode ser real, que é mentira, que algo está errado. Você pode até tentar se enganar, mas, então, entende que, enquanto levava a amizade a sério, a pessoa debochava da sua cara e expunha sua história e seus segredos como um acontecimento corriqueiro de uma pública calçada.

É mais difícil ainda acreditar quando a desonestidade vem de dentro da família, quando aqueles que deveriam zelar por você são os que fazem as intrigas, quando quem deveria resguardar a sua honra é justamente aquele que espalha ao vento suas falhas e até inventa mentiras sobre a sua vida e quem você é.

A gente se sente sem chão. Como se o píer que sustenta nossos pés começasse a afundar sem que tenhamos para onde correr

AGORA ELAS QUE GOVERNAM PARABENS MULHERES

Apresentador Luiz Bacci testa positivo para Covid-19 O anúncio foi feito pelo próprio jornalista em sua rede social nesta quinta-feira (19).

O apresentador Luiz Bacci, comandante do Cidade Alerta, da Recod TV, foi diagnosticado com o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo próprio jornalista em sua rede social nesta quinta-feira (19).
“Pessoal, uma satisfação importante que devo a vocês. Fui diagnosticado com Covid,   estou assintomático. Cheguei agora do hospital onde fiz os exames de imagem e de sangue, graças a Deus estão todos normais!”., afirmou.O jornalista ficará de quarentena em sua casa e, com isso, será substituído na tarde desta quinta-feira (19) por Matheus Furlan para comandar seu programa policial na Record TV.

Bacci disse que está isolado em casa e sendo “acompanhado pelo meu amigo, Secretário da Saúde de São Paulo, Dr. Jean Gorinchteyn”.

Prefeito que morreu na véspera da eleição é reeleito com 60,8% dos votos em MG

Prefeito que morreu na véspera da eleição é reeleito com 60,8% dos votos em MG

Foto: Reprodução / Partido Verde

Candidato a reeleição que faleceu no sábado (14), véspera das eleições (reveja), Antônio Claret Mota Esteves, foi reeleito na cidade de Passa Quatro, em Minas Gerais. O Partido Verde fez a solicitação para a substituição do candidato antes do início das votações, mas as urnas já estavam lacradas. A Justiça Eleitoral ainda irá avaliar o pedido. Antônio foi reeleito com 60,8% dos votos válidos.

Antônio Claret Mota Esteves (PV) teve 5.638 votos na cidade. Betinho Paiva (DEM) foi o segundo colocado, com 35,61% dos votos (3.302). Em terceiro lugar ficou Dr. Aledson (PSC), que teve 333 votos (3,59%). A cidade ainda teve 666 votos nulos e outros 244 brancos.

Claret estava internado havia duas semanas após sofrer infarto e veio a óbito na noite de sábado. Ele foi o prefeito eleito mais novo da história de Passa Quatro, aos 28 anos, no ano de 1986. Ele ainda foi vereador, presidente da Câmara, vice-prefeito e prefeito em duas ocasiões.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia