Vítima ainda chegou a ser socorrida e levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Atropelador foi preso em flagrante por embriaguez ao volante.

O urologista Luiz Carlos Cantanhede, de 56 anos, foi atropelado por um motorista com sinais de embriaguez, identificado como Gilson Carlos Barros Ferreira, de 32 anos. O médico, que também era ciclista, caminhava a pé, com a família, rumo à São José de Ribamar, no litoral do Maranhão.

Ele estava pagando uma promessa por ter vencido um câncer. Luiz Carlos chegou a ser socorrido e levado ao Hospital São Domingos, mas não resistiu. De acordo com informações preliminares da Polícia, o autor do atropelamento dirigia em alta velocidade, na pista molhada e com indícios de que havia consumido álcool. Gilson pediu a um agente penitenciário que passava na hora do acidente que o levasse ao Quartel da PM Canaã, por medo de ser linchado.