Desde que saiu a publicação no Diário Oficial do Estado da Bahia a exoneração de Leonardo Matos, que era assessor especial da Sedur, surgiram muitas conversas e especulações no meio político, em redes sociais e em blogs. Uns falam que Leo Matos (PL) foi exonerado por manobra rasteira do seu próprio primo e afilhado, o vereador Diego Rodrigues (PL) o Diga Diga, agora conhecido como Briga Briga. Outras pessoas comentam que na verdade Léo Matos foi exonerado por conta da sua reaproximação com o Prefeito de Itapetinga Rodrigo Hagge, coisa que Rosenberg Pinto não gostou. Uma coisa é certa, o silêncio de Léo Matos que sempre foi uma pessoa acessível, mesmo diante das críticas, é muito estranho e deixa margens para conjecturas.

Hoje (12) o blog Sudoeste hoje publicou um possível afastamento do vereador Diego Rodrigues para assumir um cargo político na estrutura do governo estadual, fazendo surgir novas especulações de que o Diga Diga na verdade articulou a saída do primo junto a secretária do governo, Cibele Carvalho, da SERIN, que também é itapetinguense e que o vereador Briga Briga irá substitui-lo.

Sabemos que tudo não passa de especulações e fuxicos políticos, pois ainda não tem nada de oficial e nenhum dos envolvidos se pronunciou publicamente, assim, só nos resta aguardar o desenrolar desta história.  Uma coisa é certa, tem algo muito estranho vindo por aí. Vamos Aguardar!

No fechamento dessa matéria fomos informados de que Briga Briga já informou ao presidente do seu partido PL, que no caso é o próprio primo, que irá se afastar das comissões que participar na Câmara de Vereadores.