Uma professora universitária de 40 anos morreu nas primeiras horas da última sexta-feira (10) ao dar à luz em casa, na cidade de Itabuna, na região sul do estado. Gleicimara Araújo Queiroz Klotz, que estava grávida de seu terceiro filho, sentiu as contrações, mas não teve tempo suficiente para ir até uma maternidade.

Durante o parto repentino, que aconteceu por volta das 0h, a professora perdeu muito sangue. De acordo com o blog Pimenta, ela foi socorrida e encaminhada para o Hospital Manoel Novaes, às 3h50, mas na unidade, mesmo com apoio de uma equipe médica, não resistiu às complicações causadas por uma hemorragia pós-parto. A recém-nascida passa bem.