Socorro Pitombo Cristo faleceu aos 78 anos. Jornalista teve destacada atuação em Feira de Santana.
Socorro Pitombo Cristo faleceu aos 78 anos. Jornalista teve destacada atuação em Feira de Santana.

Em decorrência de problemas cardiorrespiratórios, faleceu neste domingo (09/01/2022), aos 78 anos, a jornalista Socorro Pitombo Cristo. Ela deixa duas filhas, Renata e Lara e um filho, Raphael Pitombo.

Ela estava internada há cerca de 20 dias no Hospital da Bahia, em Salvador, onde passou por procedimento cirúrgico.

Velório e sepultamento

O corpo de Socorro Pitombo será velado no Centro de Velórios Pax Bahia, no Bairro SIM, e o sepultamento está marcado para as 11 horas desta segunda-feira (10/01), no Cemitério Piedade, situado no centro da cidade de Feira de Santana.

Trajetória 

Socorro Pitombo era considerada referência profissional no setor da comunicação de Feira de Santana.

Em nota, a colega jornalista Madalena de Jesus lembrou que “por onde passou, durante a trajetória profissional, Socorro Pitombo deixou marcas indeléveis. Fazia do jornalismo a própria vida, fato que inspirou muitas gerações de comunicadores”.

Ela passou por redações de jornais, que definia como as verdadeiras escolas de jornalismo, e pelas assessorias de comunicação da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e da UniFTC, “local onde se destacou no exercício da atividade que amava e, sobretudo, acreditava”, disse Madalena de Jesus.

Na rede social Twitter, o jornalista e secretário de Comunicação de Feira de Santana, Edson Borges, registrou que “Socorro Pitombo, foi um exemplo de jornalista, comprometida com a profissão. “Furona”, marcou época na história do fabuloso Jornal da Bahia”.

Nota de Pesar

Em nota, a Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) comentou a morte da servidora aposentada da instituição Socorro Pitombo, informando que ela atuou por mais de quatro décadas no setor de comunicação social e que foi por muitos anos jornalista da Uefs, ao atuar no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca) e como assessora-chefe da Assessoria de Comunicação (ASCOM) da UEFS.

A instituição de ensino conclui a nota prestando “solidariedade à família, amigos e colegas de profissão da jornalista Socorro Pitombo”, e reiterando o apoio neste “momento de dor e tristeza”.