Policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Central em cumprimento da Operação Território Seguro, na cidade de Jequié, neste sábado (25/05), foram informados que um veículo Renault Duster estava com dois integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) transitando próximo ao Anel Viário, na BR-116.

De acordo com a denúncia anônima, os criminosos tinham envolvimento em assalto a banco e cargas. Os militares, então, realizaram dois pontos de bloqueio em locais estratégicos, nos acessos da cidade.

Ao perceber o veículo, uma guarnição sinalizou para que o mesmo parasse no acostamento, mas não foi atendida. Ato contínuo, o passageiro direcionou uma arma de fogo para a viatura e efetuou disparos. A equipe militar reduziu a velocidade e iniciou um novo acompanhamento, até que os marginais pararam o carro e adentraram uma mata, sendo novamente perseguidos. Mais uma vez, os paulistas dispararam tiros contra os militares baianos. Porém, foram baleados. Ambos foram socorridos para o Hospital Geral Prado Valadares (HGPV), em Jequié, onde foram constatados os óbitos.

Johnny Rodrigues de Lima e Tiago Lopes Araújo possuíam vasta ficha criminal, por práticas delituosas de roubo, crimes contra instituições financeiras e receptação. Um dos resistentes tinha em seu histórico criminoso ainda, registros por roubo a caminhões de cargas, sequestro e cárcere privado.

Além do carro foram apreendidos dois revólveres, R$ 1.854,25 (hum mil oitocentos e cinquenta e quatro reais e vinte e cinco centavos) e celulares. A ocorrência foi registrada na delegacia de Jequié.

Fonte:Informe Baiano