O governador Rui Costa disse nesta segunda-feira (17), em Salvador, que pode endurecer as medidas restritivas para conter avanço e explosão de casos da Covid-19. A declaração veio acompanhada de críticas aos organizadores de eventos que desrespeitaram o limite de três mil pessoas para realização de festas. Por outro lado, Rui elogiou aos donos de bares e restaurantes que passaram a exigem o passaporte de vacina no atendimento ao público.

Em solenidade no Parque de Exposições, Rui assinou convênio para construção de novas moradias em seis cidades atingidas pelas fortes chuvas em dezembro último. Governador também entregou 28 ambulâncias tipo van e disponibilizou 56 máquinas pesadas e equipamentos diversos para 19 Consórcios Públicos, que vão ajudar na reconstrução de estradas vicinais e garantir escoamento da produção. Foram entregues motoniveladoras, escavadeiras e roçadeiras hidráulicas, tratores agrícolas e pás carregadeiras.

Rui disse que está atento e acompanhando de perto o desrespeito de alguns setores que não estão cumprindo o decreto que limita a presença de público em eventos como medida protetiva contra a Covid-19. Governador não descarta ampliar as restrições para evitar nova onda da doença no estado.