A Equipe da DRFR de Vitória da Conquista elucidou o furto triplamente qualificado ocorrido no dia 30/10/2021 ao Condomínio Mansão Pedro de Morais, Bairro Candeias. Nesta, praticado por três Autores, onde um permaneceu nas proximidades dando suporte e dois ingressaram ao prédio e arrombaram as Unidades de Apartamento nº 1202 e 1401 subtraindo das vítimas Andressa Bergami Cabadas e Robinson Camargo de Ribeiro Nunes joias, relógios, bolsas, cartões bancários, notebooks e dinheiro nas moedas Real, Dólar e Euro totalizando o valor aproximado de R$ 501.239,00 (quinhentos e um mil e duzentos e trinta e nove reais). Que a DRFR/VC, com base nas imagens das câmeras de segurança, em investigação conjunta com a Polícia Civil do Rio de Janeiro (14ª Delegacia, Leblon), através da prova emprestada com pedido de compartilhamento de informações à 1ª Vara Criminal Especializada da Capital, identificou dois Autores: Matheus Alexandre Gomes de Morais (que ingressou no prédio) e Nathan Henrique Oliveira Rizzi de Magalhães (que permaneceu nas proximidades dando suporte).

Que a DRFR/VC concluiu o Inquérito Policial com indiciamento pela prática dos Crimes de Furto Triplamente Qualificado e Associação Criminosa e Representou pela Prisão Preventiva dos citados Autores à 1ª Vara Criminal da Comarca de Vitória da Conquista, tendo cumprido na tarde de 21/02/2022 o Mandado de Prisão expedido em desfavor de Matheus Alexandre Gomes de Morais no Presídio Nelson Hungria na cidade do Rio de Janeiro. Que o outro Autor, Nathan Henrique Oliveira R. de Magalhães, é considerado foragido da Justiça.

Fonte: Sudoeste Digital/DPRFR Vitória da Conquista / | Foto: Divulgação/Reprodução