O governador da Bahia, Rui Costa retornou a Conquista, nesta segunda-feira (23), para participar de mais um ato político ao lado de Zé Raimundo e sua vice-prefeita Luciana Oliveira (PCdoB). Na última sexta (20), Rui já tinha participado de diversas atividades de campanha na “Suíça Baiana”.

Reeleito governador da Bahia com 63,20% válidos dos eleitores de Vitória da Conquista nas eleições de 2018 e gestão aprovada por cerca de 81% dos conquistenses [A Tarde/Potencial], Rui Costa utiliza sua popularidade intensificando ainda mais sua participação na campanha de Zé Raimundo, que venceu o 1º turno das eleições.

Após carreata na Zona Oeste com Zé Raimundo, governador diz que a Suíça Baiana merece um governo de união, paz e diálogo

Em entrevista, após participar de uma carreata na Zona Oeste da cidade, o governador defendeu “a união de homens e mulheres de bem” para tirar o Brasil da atual situação que se encontra. “Ódio e violência não levam nem o país e nem Vitória da Conquista a lugar nenhum. Infelizmente, a atual gestão tenta copiar, mas o povo de Conquista não quer seguir esse caminho e está deixando claro nas ruas que quer união, paz, entendimento, diálogo com o governo do Estado, com o setor produtivo e eu estou assumindo esse compromisso. Guerra e disputa só levam a sofrimento e prejuízo de todos. Diálogo, paz e trabalho é o que gera riqueza e renda, e é isso que nós queremos para Vitória da Conquista”, afirmou Rui.

Para o segundo turno das eleições, Zé Raimundo passou a contar em sua chapa com apoio de 14 partidos, a maioria após uma forte articulação do governador: PSD, PP, PSOL, PCdoB, PDT, PSB, PL, PTC, Avante, Podemos, Pros, Cidadania, Solidariedade e Rede Sustentabilidade. Do leque de legendas aliadas, o petista já conta com 11 dos 21 vereadores eleitos para a próxima legislatura.