WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

FJS

prefeitura de pocoes


março 2024
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


cobra produtora marcus solla acougues angelica

:: ‘Política’

Facções criminosas se infiltram em prefeituras baianas; saiba detalhes

Ilustrativa/José Cruz/Agência BrasilIntenção das facções criminosas é movimentar o dinheiro do tráfico de drogas  |   Bnews - Divulgação Ilustrativa/José Cruz/Agência Brasil

Prefeituras de cidades brasileiras, como é o caso de alguns municípios do estado da Bahia, estão no radar de facções criminosas. Isso porque, segundo informações divulgadas pelo jornal Estado de São Paulo, grupos como Primeiro Comando da Capital (PCC) e Comando Vermelho (CV) se infiltraram nas gestões para capturar contratos milionários. A princípio, a ação dos criminosos figurou em investigações também em locais como São Paulo e Ceará.

A intenção é conquistar oportunidades de novos lucros, além de ‘lavar’ dinheiro do tráfico de drogas em atividades lícitas, segundo informações do Estadão. Uma das gestões inclusive teve o pagamento milionário de uma prefeitura, por meio de contratos aditivos, para empresas de transporte ligadas ao crime, divulgada.

Junto a isso, um vereador teve a empresa indicada como elo para pagamento mensal a integrantes de organização criminosa. Todavia, o envolvimento do crime possui consequências. Uma delas é que um ex-político terá de arcar com o pagamento de multa por condenação pelo envolvimento com pessoas ligadas ao PCC.

Na Bahia, indivíduos do crime, que atuam no CV, criaram organizações para eleger vereadores e influenciar a política em cidades por meio de contratos milionários com o poder público, como o que já faziam no Rio de Janeiro e na Baixada Fluminense.

FICHA SUJA COMEÇA CAMPANHA LUCIANO MASCARENHAS DEPOIS DE FAZER O PIOR GOVERNO DA CIDADE DE POÇÕES LARGAR A CIDADE COM OS COFRES VAZIOS DA CIDADE TÁ DE VOLTA

EX prefeito Luciano Araujo mascarenhas acabou com a cidade de poções em seu governo deixo os cofres vazios teve varias condenações só aparece em ano eleitoral para enganar o povo  com mentiras que Luciano ta on esta nada pode ser candidato só em 2025 basta uma canetada do colegiado povo de poções esqueceram mas nessa campanha vamos lembra o desgoverno que ele fez e por que foi cada condenação do mesmo ta com discurso que mudou só que for de cidade como fez desde que saiu da prefeitura que politico muda aonde muda pra pior quando o politico é bom sempre sera quando for ruim vai ser mais ruim não acredito que a justiça vai deixar ele ser candidato sendo que a eleição é 2024 e o mesmo só pode ser candidato  em 2025 só sai se não tomar uma canetada do colegiado 

Prefeito de município paranaense se casa com adolescente de 16 anos

Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) teve união autorizada pelos pais da jovem. A mãe da garota, Marilene Rode, foi promovida a secretária de Cultura do município

O prefeito do município de Araucária (PR), Hissam Hussein Dehaini (Cidadania), se casou com uma adolescente de 16 anos em abril deste ano. O homem tem 65 anos. O caso foi revelado pelo site Plural.jor.

Embora o casal tenha 49 anos de diferença e a garota seja menor de idade, a união não é ilegal de acordo com a lei. Isso porque adolescentes de 16 a 18 anos podem se casar se tiverem autorização dos pais ou responsáveis.

A adolescente K.R.C. teve a união autorizada pelos pais Nivaldo Camargo Junior e Marilene Rode, conforme consta em registro oficial do cartório de 12 de abril.

A mãe da adolescente, inclusive, tinha um cargo comissionado na Prefeitura de Araucária e, no início do mesmo mês, foi promovida a secretária de Cultura. A tia da adolescente, Elizangela Rode, também ocupa cargo comissionado no município.

A adolescente frequenta o Ensino Médio em uma escola cívico-militar de Araucária e participou, no ano passado, do concurso Miss Araucária, na categoria teen – destinada a meninas entre 15 e 17 anos. Acabou eleita como segunda princesa.

Empresário, Hissam declarou à Justiça Eleitoral o patrimônio de R$ 14 milhões, o que inclui, entre outras coisas, um helicóptero registrado em seu nome. Ele se candidatou a prefeito pela primeira vez em 2012 e só ele elegeu em 2016, alcançando a sua reeleição em 2020.

 

Em Portugal, Lula volta a criticar juros no Brasil: ‘ninguém toma dinheiro emprestado a 13,75%’

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) voltou a criticar nesta segunda-feira (24), durante evento em Portugal, o patamar atual da taxa básica de juros da economia brasileira.

A Selic está há oito meses em 13,75% ao ano, maior percentual desde 2016 e maior taxa de juros real (ou seja, descontada a inflação) do mundo. O Banco Central, responsável por definir esse patamar, diz que os juros altos são necessários para controlar a inflação.

“Nós temos um problema no Brasil, primeiro-ministro, que Portugal não sei se tem. É que a nossa taxa de juros é muito alta. No Brasil, a taxa Selic, que é referencial, está em 13,75%. Ninguém toma dinheiro emprestado a 13,75%, ninguém. E não existe dinheiro mais barato”, declarou Lula em um fórum com investidores em Matosinhos, no país europeu.

“E a verdade é que um país capitalista precisa de dinheiro, e esse dinheiro tem que circular. Não na mão de poucos, mas na mão de todos”, disse.

 

Lula voltou a usar a frase “colocar o pobre no orçamento”, um dos lemas da campanha eleitoral do ano passado. E disse defender que os juros caiam para que haja um estímulo ao crédito, o que poderia elevar o crescimento previsto para a economia brasileira ainda este ano.

“É a gente garantir que os pobres possam participar. Porque quando eles virarem consumidor, vão comprar. Quando eles comprarem, o comércio vai vender. Quando o comércio vender, vai gerar emprego, vai comprar mais produto na fábrica. […] Mais emprego vai gerar mais salário, é a coisa mais normal de uma roda gigante da economia”, enumerou Lula.

BC vê risco de inflação

 

Essa “roda gigante” da economia citada por Lula é justamente o movimento que pode gerar alta da inflação, na medida em que o consumo aumenta e os preços são puxados para cima.

A taxa de juros, definida pelo BC, é um dos principais instrumentos de um país para controlar a inflação. O efeito colateral, no entanto, é que esse controle também “esfria” a economia, ou seja, reduz o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB).

Na última semana, o presidente do Banco Central, Roberto Campos, afirmou em eventos em Londres que a queda da inflação é mais lenta que o esperado, que a batalha “não foi vencida” e que pode não haver um corte na Selic no curto prazo, como esperam o governo e parte do mercado.

“A gente precisa avançar e explicar melhor para que isso consiga permear através dos mercados, para que a expectativa de inflação melhore e para que abra espaço para a gente fazer o nosso trabalho de queda de juros”, disse Campos Neto na sexta.

BARRA DA ESTIVA: Prefeito é multado por contratações sem processo seletivo

Foto: Prefeitura de Barra da Estiva

Nesta quinta-feira, 30, o Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia multaram o prefeito de Barra da Estiva, João Machado Ribeiro, por contratação ilegal de servidores temporários no exercício de 2018. O conselheiro Fernando Vita, relator do processo, multou o gestor em R$2,5 mil.
A punição foi dada após os conselheiros do TCM acatarem denúncia apresentada por vereadores do município contra o gestor, que apontou como irregularidades: a utilização de recursos do Fundeb 60% para destinações outras que não fixadas em Lei; o pagamento de servidores com salário abaixo do mínimo; e o pagamento de servidores com recursos do Fundeb 60% para funções não contempladas no artigo 22 da Lei 11.494/2007.
O conselheiro Fernando Vita ressaltou, em seu voto, que a única irregularidade verificada pela área técnica do TCM foi referente à ausência de processo seletivo simplificado para provimento de cargos temporários. Em relação aos demais apontamentos, de acordo com a área técnica, “não foram apresentados documentos, nem encontradas outras evidências no sistema SIGA e em processos de pagamento, que comprovem a aplicação irregular ou o descumprimento das determinações previstas no artigo 22 da Lei 11.494/2007.
De acordo com a relatoria, o gestor não apresentou o procedimento administrativo de contratação, deixando, assim, de comprovar a situação emergencial alegada em sua defesa, e, consequentemente, o interesse público envolvido na contratação dos servidores temporários. Também não comprovou a realização de processo seletivo simplificado para contratação desses temporários, “resultando cristalino que houve intenção de contratar servidor ao arrepio do princípio da impessoalidade”.

EMENDA WZ DESTINA MAIS RECURSOS PARA POÇÕES

O Deputado Federal Waldenor Pereira – PT, em parceria com o Deputado Estadual Zé Raimundo – PT, destinaram a Poções 100.000,00 (cem mil reais) para recuperação, ampliação e limpeza de aguadas no Município.

Os valores já estão em conta e a Prefeitura de Poções já pode licitar e iniciar as obras.

Em nome do Partido dos Trabalhadores de Poções e do Governo Municipal, agradecemos aos ilustres parlamentares do PT pelo apoio, empenho, compromisso e destinação de recursos, veículos, tratores, caminhão e equipamentos que estão melhorando a qualidade de vida da nossa população.

MUITO OBRIGADO!!!

João Bonfim Cardoso Cerqueira
Vice-Prefeito de Poções

Marcha dos Prefeitos reúne mais de 10 mil pessoas em Brasília

A 24ª edição da Marcha dos Prefeitos acontece em Brasília de 27 de 30 de março realizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) com o nome de “Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios”. Essa edição tem como tema “Pacto federativo: um olhar para o futuro” e é uma ação importante de diálogo entre prefeitos e o Governo Federal para tirar dúvidas e apresentar demandas.

No segundo dia de evento, dia da abertura oficial da Marcha, o vice-presidente e ministro, Geraldo Alckmin, fez uma fala reforçando o compromisso com o Pacto Federativo. O vice-prefeito substitui o presidente Lula, que se recupera de uma broncopneumonia.

Alckmin também defendeu que a aprovação da reforma tributária poderá garantir um crescimento de 10% do Produto Interno Bruto (PIB), dentro de um período de 15 anos.

“Ele [o modelo tributário] dificulta a exportação porque acumula crédito. Ele não estimula investimento. Essa é uma reforma que traz eficiência econômica que é o que o Brasil precisa para crescer mais forte. Estamos confiantes e o caminho é o diálogo. Os prefeitos eram um dos setores de preocupação, mas hoje há um entendimento que a questão federativa se resolve e o importante é a economia crescer mais forte”, afirmou.

O encontro reuniu mais de 3 mil prefeitos e cerca de 10.500 pessoas dentre prefeitos, vereadores e convidados. Outros ministros de Estado também estiveram presentes na terça-feira (28) como Alexandre Padilha, da  Secretaria de Relações Institucionais; Wellington Dias, do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Daniela Carneiro, do Turismo; Carlos Lupi, da Previdência e Nísia Trindade, da Saúde.

A Marcha dos Prefeitos teve sua primeira edição em 1998, com a participação de quase 2 mil prefeitos munidos de uma lista com 13 reivindicações, que levaram ao Palácio do Planalto.

Prefeitura de São Gonçalo dos Campos anuncia suspensão da festa de São João por falta de verba

A Prefeitura de São Gonçalo dos Campos, a cerca de 130 quilômetros de Salvador, anunciou nesta quinta-feira (23), que a festa de São João da cidade não será realizada por questões financeiras. O anúncio foi dado pelo prefeito Tarcísio Pedreira, durante entrevista coletiva.

Além disso, Tarcísio informou que as realizações do Cidade Jardim Festival e Songa Iluminada também estão comprometidas pelo mesmo motivo.

De acordo com a prefeitura, o orçamento da pasta da cultura foi reduzido em R$ 5 milhões pela Câmara de Vereadores, e que a redução dificulta a contratação de artistas e a montagem das estruturas.

São Gonçalo dos Campos na BA decorada para os festejos juninos em 2022 — Foto: Prefeitura de São Gonçalo dos Campos

O município disse ainda que não há como remanejar nenhuma verba dos cofres públicos, e que em setembro de 2022 enviou à câmara um projeto de lei que estimava a receita e fixava a despesa para este ano.

Em fevereiro deste ano foi feito um pedido de suplementação, mas não chegou a ser encaminhado para as comissões responsáveis.

Por meio de nota, a Câmara de Vereadores disse que as informações passadas pelo prefeito são falsas.

Segundo o legislativo, São Gonçalo dos Campos dispõe de R$4.604 milhões da dotação orçamentária para a realização dos festejos juninos.

fonte: g1 bahia

Bom Jesus da Serra: Vereador Maurício de Dilson anuncia rompimento com o grupo político do prefeito Jornandinho

Embora o Brasil tenha acabado de realizar eleições nacionais e estaduais, em outubro de 2022, o tabuleiro político não deixa de se movimentar por um só instante, como é o caso da política bom-jesuense. Em contato com o Blog Bom Jesus Destak nesta quinta-feira (23), o vereador Maurício de Dilson, anunciou o rompimento com o grupo político do prefeito de Bom Jesus da Serra, Jornandinho. Apoiador do prefeito nas eleições de 2020, Mauricio foi eleito pelo PL com 339 votos. Sendo assim, a oposição passa a contar com maioria na Câmara de Vereadores com 05 edis de oposição e 04 na situação. 

“Bom dia amigo, hoje tive minha decisão sobre ser Oposição do Atual Prefeito, essa minha decisão foi bem pensada por mim, quero ressaltar que fui Eleito pelo povo Bom-jesuense, foram eles que confiaram e me deram 339 votos nas eleições de 2020, Para Representar a população tenho que ter suportes, porém isso não estava tendo, até tentei conversar com o prefeito mas não obtive retorno, então hoje dia 23/03/2023 tomei a minha decisão, declaro que não faço mais parte do Grupo do Atual Prefeito, espero que amigos que estão trabalhando junto ao grupo entendam meu lado, assim eles estão entendendo o Lado que escolheu ficar com o POVO, agradeço à Todos que estão recebendo essa mensagem, dizer ao Povo de Bom Jesus que Estou firme e forte na luta, jamais irei abaixar minha cabeça, porquê Senhor Jesus está me abençoando e abençoando todos nós” – Disse Maurício em nota enviada ao Blog.

Poções: Secretarios, Vereadores e o presidente do PCdoB Poções 65 estiveram em Salvador, representando a prefeita Nilda Magalhães em busca de obras e melhorias para o nosso município.

Nesta semana, o secretário de Finanças, Bruno Sangiovanni; o assessor especial Antônio Lemos; o coordenador de cultura, Léo Starlight; o presidente do PCdoB Poções 65, Marcus Sola; o presidente da Câmara Municipal, Zé Mauro e o vereador Vivaldo Júnior, estiveram em Salvador, representando a prefeita Nilda Magalhães em busca de obras e melhorias para o nosso município.
Lá foi apresentado importantes demandas em vários órgãos do estado para nosso município. Os representantes também participaram de reuniões com o chefe de gabinete do Governador Jerônimo Rodrigues, Adolpho Loyola, o Diretor Geral da Sudesb, Vicente Neto, e o Assessor Especial da Governadoria, Pedro Sobrinho, além de reuniões com a Deputada Federal Alice Portugal e o Deputado Estadual Fabrício Falcão.
Poções segue avançando através da gestão do Governo Nossa Terra Nosso Orgulho, e vem muita novidade por aí! Seguimos juntos por uma Poções ainda melhor!



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia