COMO reflexo da greve dos caminhoneiros, quem foi à feira livre neste sábado, em Vitória da Conquista, encontrou tudo mais caro. Tudo mesmo. A paralisação trouxe prejuízos enormes à população. “Meteram a faca no meu pescoço. Comprei uma cabecinha de repolho por R$ 10. Aprovei a greve, mas estou arrependida”, declarou Jéssica Teixeira, em contato com o conquistanews.

O tamanho dos prejuízos aparece ainda na escassez do gás nas distribuidoras. Além de ter aumentado de custo, o botijão está com oferta reduzida. Tem muita gente com medo de boatos que circulam nas redes sociais, informando sobre nova greve a partir da próxima segunda-feira. Como estamos frisando, nesta matéria, tudo não passa de boato.

A situação continua de medo. Está sendo gerada uma onda de terror na cidade, com notícias falsas que criam o caos entre as pessoas. A situação é de insegurança… Infelicidade, impondo oceânicos prejuízos à população.