Comandante do Ciopac
Divulgação

O Capitão da Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga (Ciopac), do estado de Sergipe, Manoel Alves de Oliveira, foi assassinado na noite desta quarta-feira (04).

O alerta policial começou a ser dado por voltas das 21h40, para todas as cidades que fazem divisa com Sergipe. A polícia ordenou aos seus integrantes a máxima atenção em perímetros terrestres e também fluviais.

O carro do militar, um utilitário prata, foi crivado de balas.

Dois carros de modelo Corolla foram utilizados na execução de Oliveira. Um dos carros, de cor preta, foi abandonado e incendiado entre Monte Alegre e Porto da Folha, cidades sergipanas.

Os Guerreiros de Caatinga do Sertão de Alagoas e do estado vizinho foram todos acionados para diligências na tentativa de interceptar  e prender os assassinos.