Relacionamentos a dois podem ser bastante complicados às vezes devido às diferenças de opiniões e comportamentos entre os envolvidos. Mas o homem dessa história mostrou um alto índice de desentendimento com a esposa a ponto de preferir ir para a prisão a ficar na mesma casa com ela.
O protagonista do caso não teve o nome revelado. Ele estava cumprindo prisão domiciliar, mas, no último domingo (24/10), surpreendeu a polícia ao chegar na delegacia da cidade onde mora pedindo para ficar dentro de uma cela
O homem, que é da Albânia e tem 30 anos, disse às autoridades que não conseguia mais suportar a esposa na mesma casa. O prisioneiro e a companheira, cuja identidade não foi divulgada, viviam juntos até então em uma casa na Itália. Não foi informado se os dois tinham filhos.
A polícia emitiu um comunicado sobre o caso dizendo que o homem estava alegando viver um “inferno”: “Apresentou-se espontaneamente na polícia para pedir o cumprimento da pena atrás das grades“, informou a polícia de Tivoli.
O prisioneiro morava em Guidonia Montecelio, uma comuna italiana da região do Lácio, província de Roma. Sua prisão ocorreu por crime envolvendo drogas. Conforme a mídia local, ele ainda tem alguns anos de detenção para cumprir.
Por ter saído de casa, o que é contra as normas de prisão domiciliar, o albanês foi detido e levado para uma cela de prisão, como desejava. A história circula em diversos veículos de mídia pelo mundo e surpreendeu a muitos pela atitude do prisioneiro.
Com informações do site: MCeara