Um avião de pequeno porte tentou fazer um pouso de emergência às margens da MG-217, três minutos após a decolagem, e caiu no início da noite de sábado (1º/2), na lagoa da fazenda Pouso Alegre, em Teófilo Otoni, a Nordeste de Minas, deixando dois mortos. O avião havia percorrido apenas 17 quilômetros antes de cair.

Estavam na aeronave, modelo RV-9A, o piloto Danilo Pungirum, que também seria o proprietário do avião, e o ocupante Fernando Soares.

De acordo com as primeiras informações do Corpo de Bombeiros, as buscas foram encerradas por volta das 21h30 de sábado, porque o local da queda era de difícil visualização e não havia iluminação suficiente. As buscas foram retomadas na manhã deste domingo.

As causas do acidente serão investigadas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). (Informações: O Estado de Minas)