WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

FJS

prefeitura de pocoes


junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


ouro gas marcus solla acougues angelica

:: 6/jun/2024 . 21:39

CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO EM PLANALTO

Durante a realização da OPERAÇÃO FORÇA TOTAL foi cumprido mandado de prisão em desfavor de J.C.S. na cidade de Planalto-Ba pelo crime descrito no Art.121 CP.
O acusado foi localizado, identificado e posteriormente conduzido a Delegacia de Polícia Civil de Planalto-Ba afim de serem tomadas as medidas cabíveis.

 

Contas Aprovadas Exercício 2022

Menina de 12 anos morre eletrocutada no oeste da Bahia

Delegacia de Correntina na Bahia — Foto: Márcia Santana/PC-BA

Uma menina de 12 anos morreu após ser eletrocutada na localidade do Rosário, em Correntina, no norte da Bahia. Ludymilla Batista de Souza Neves sofreu o choque na terça-feira (5), dentro de casa.

Segundo informações da Polícia Militar, a mãe da pré-adolescente acionou a guarnição após o companheiro avisá-la do acidente. Ludymilla estava na companhia do padrasto no momento.

Em depoimento, o homem disse que tentou puxar a menina ao perceber a situação, mas não conseguiu salvá-la porque ele também recebeu a descarga elétrica. O homem não soube informar se a descarga partiu da tomada ou do próprio freezer, mas desligou o padrão de energia e telefonou para a esposa.

Como a mulher procurou a guarnição militar, os agentes acionaram o médico de plantão assim que chegaram ao local. O profissional de saúde, então, atestou o óbito da menina.

O corpo dela foi recolhido pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) para necropsia no Instituto Médico Legal (IML) de Bom Jesus da Lapa, na região oeste. Em seguida, deve ser liberado para a família realizar o sepultamento.

Cuidadora é presa após idoso mandar carta pedindo socorro por ficar trancado em lote e ter dinheiro roubado, diz polícia

Cuidadora é presa após idoso mandar carta pedindo socorro por ficar trancado em lote e ter dinheiro roubado, diz polícia

Uma cuidadora foi presa após um idoso de 74 anos pedir para o vizinho entregar uma carta à polícia onde ele denunciava ter o dinheiro roubado, em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Segundo a Polícia Civil (PC), a vítima vivia em um “barraco” de latão e trancado em um lote.

A mulher, que não teve o nome divulgado, foi presa preventivamente nesta quarta-feira (29), em Santa Terezinha de Goiás, no norte do estado, após mudar de endereço sem comunicar a Polícia Civil. O g1 não localizou a defesa dela para pedir um posicionamento até a última atualização desta reportagem.

O caso é investigado pelo delegado João Flávio. Ao g1, ele contou que o vizinho recebeu a carta do idoso pelo muro do lote e entregou à polícia no dia 17 de abril, mesmo dia em que a vítima foi resgatada. Flávio detalhou como o idoso foi encontrado pelas equipes e a forma que ele vivia.

“Ela fez um barraco de latão aos fundos da casa, que era onde o idoso dormia. Quando chovia, ele molhava. Ele fez um buraco há quatro metros de onde dormia para fazer as necessidades e tomava banho em uma torneira de 50 centímetros de altura, era muito triste a situação”, relatou Flávio.

Segundo o delegado, apesar da mulher dar água e comida para o idoso, ele estava bastante magro e, devido às condições em que ele vivia, poderia adoecer. Além disso, a vítima contou a polícia na carta que a cuidadora pegava todo o dinheiro dele do Benefício de Prestação Continuada.

“Ela pegou o idoso dos filhos dizendo que iria cuidar da saúde dele, mas a principal motivação dela era ter a renda da vítima para ela”, afirmou Flávio.

O delegado disse ainda que, no dia em que o idoso foi resgatado e devolvido à família, a cuidadora não foi presa, mas foi informada que era investigada por cárcere privado, maus-tratos e apropriação de rendimento de pessoa idosa. Apesar disso, ela mudou de cidade e, por isso, a PC a prendeu.

Fonte: g1



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia