Na cidade de Eunápolis, policiais militares da Rondesp conseguiram resgatar um homem de 20 anos que, possivelmente, seria morto por bandidos do chamado “tribunal do crime”.

A Rondesp informou que patrulhava uma região do bairro Sapucaieira, na tarde de quinta-feira (14), quando avistou uma quadrilha realizando uma espécie de “julgamento”.

Ao se aproximar do local, os policiais foram recebidos a tiros. Houve um intenso tiroteio. Os marginais conseguiram fugir.

Em meio ao fogo cruzado, o homem que estava sendo “julgado” se jogou no chão para se proteger dos disparos.

Depois, ele relatou para a polícia que a quadrilha o acusava de ter roubado uma bicicleta na comunidade e por isso acreditava que seria “sentenciado” à morte. Ele possui transtornos mentais, foi ouvido no plantão da Polícia Civil e depois liberado.

Durante a fuga, os criminosos deixaram para trás dois quilos de maconha. A droga foi apreendida.