[POÇOES24HS.COM.BR]

Na madrugada desta terça-feira (27), por volta das 03h00 da manhã, a delegada plantonista da 8ª COORPIN, Andressa Carvalho, juntamente como investigador Natanael Alves, e uma equipe do DPT, composta pelos peritos Felipe e Everton, que realizaram o levantamento cadavérico e a perícia de ação violenta, em via pública, localizada na Rua Afonso Pena, na área Central de Teixeira de Freitas, localidade conhecida como “Lagoa”.
Segundo informações prestadas por populares ao CICOM/Teixeira, a vítima teria sido agredido com um tronco de madeira. Uma viatura da CIPE/CAEMA estava passando próximo ao local, e se deslocou em apoio, até a chegada de uma guarnição do 1° Pelotão da 87ª CIPM, que preservou área até a chegada da Polícia Civil. Uma equipe do SAMU também esteve no local, constatando a morte da vítima, que foi agredida a golpes de instrumento contundente na região cabeça.
A vítima, até o fechamento desta reportagem, não havia sido identificada. Trata-se de uma pessoa do sexo masculino, de cor morena, trajando uma blusa social de cor cinza, uma bermuda jeans de cor azul, e sapato social de cor preta. Com a vítima foi encontrado o valor em espécie de R$ 380,00 (trezentos e oitenta reais); uma corrente (cordão) de cor dourada, e um relógio de pulso de cor preta. O que leva a crer, que o crime não tem motivação de latrocínio (roubo seguido de morte).
No local foi encontrado ainda um relógio de pulso de cor prateada com a pulseira quebrada, o que indica possível briga entre a vítima e o agressor, que acabou deixando o relógio para trás. O corpo da vítima foi removido ao IML, onde passará por necropsia, e aguardará a identificação por parte de familiares. Um inquérito foi aberto e encaminhado ao NHT para apurar a motivação e autoria do homicídio consumado.