Novo titular da SSP-BA defende polícia 'humana e eficiente' ao mesmo tempo

Foto: Reprodução / YouTube

Em posse virtual realizada nesta segunda-feira (28), o novo secretário de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Ricardo Mandarino, defendeu que a polícia “pode ser humana e eficiente ao mesmo tempo”. Ele defendeu uma visão humanística da segurança pública, citando a “diversidade cultural” da Bahia como um caldo para a promoção da cidadania.

 

Após uma breve apresentação da trajetória dele até chegar ao posto de titular da SSP-BA, Mandarino reforçou que aprendeu a ser juiz trabalhando na Polícia Civil da Bahia – ele foi delegado antes de ser procurador estadual da Fazenda e assumir a toga. “Aprendi a ser juiz na polícia. Eu via pessoas com habilidades que ninguém vê. Ninguém fala da polícia que atua para prevenir crimes”, reforçou o novo secretário.

 

Em fala elogiosa ao governador Rui Costa, Mandarino frisou que deve dar continuidade às políticas de segurança pública que tem sido desenvolvida pelo governo da Bahia. “Somos intolerantes com práticas criminosas, feminicídio, racismo, desrespeito a liberdade religiosa, sexual”, reforçou o secretário.

 

COMBATE ÀS DROGAS

“Temos que identificar os pontos de fragilidade e as causas da violência”, defendeu Mandarino, ao citar que é preciso rediscutir a forma como a sociedade enfrenta o combate às drogas como um exemplo de como pretende atuar. “Por que não adota uma política parecida no combate às drogas?”, questionou o titular da SSP-BA.

 

Além de Mandarino, também tomou posse o novo subsecretário, Hélio Jorge, e a delegada-geral da Polícia Civil, Heloísa Brito. O subsecretário fez um discurso curto, no mesmo tom do titular, frisando o papel da atuação da polícia de forma planejada.

 

Já a primeira delegada-geral da Polícia Civil da Bahia reforçou o papel da instituição para o enfrentamento à violência, citando, inclusive, autores como Conceição Evaristo para falar sobre o papel social da corporação. “Queremos que a Bahia tenha uma polícia judiciária referência”, completou.