A Prefeitura de Poções, através da Secretaria Municipal de Saúde, vem através desta, esclarecer a população, e a quem se interessar, sobre a repercussão do vídeo divulgado pela médica neuro pediatra, Dra. Lorena Oliveira de Araújo, diante de uma suposta negativa de medicamento por parte da SMS, para o tratamento de uma criança poçoense portadora do CID (Classificação Internacional de Doenças), com autismo e ataques epiléticos. A SMS reforça, por oportuno, seu compromisso com a transparência dos fatos e vem a público esclarecer o que segue:

São inverídicas as informações declaradas no vídeo publicado nas redes sociais, visto que, as observações contidas no Laudo de Solicitação de Medicamentos (LME), que inclue a negativa do fornecimento do medicamento para o tratamento da criança, foram prescritas pelo Núcleo Regional de Saúde de Vitória de Conquista (NRS Sudoeste), antiga 20 DIRES, órgão responsável pela deliberação e fornecimento dos medicamentos especializados para toda a região do

Compartilhe: