Ouvir e dialogar com a população. Essa é uma das principais defesas da jornalista Luciana Oliveira, candidata a vice-prefeita ao lado de Zé Raimundo. Em participações em atividades da campanha, Luciana tem sido taxativa ao afirmar que administrar uma prefeitura exige do gestor, antes de mais nada, a capacidade de escuta e diálogo. “Eu e Zé temos uma motivação em comum. Nós queremos construir um novo futuro pra Conquista em que as pessoas sejam ouvidas e tratadas com respeito”, afirmou em entrevista ao Blog do Sena.

Luciana também destaca o papel da mulher na política. “É inadmissível avançarmos para uma sociedade mais justa sem aumentar a representação política das mulheres. Não dá mais para fazer política sem nós. Somos a maioria da população e também do eleitorado, podemos e queremos ocupar mais espaço. Por isso, lutar por mais mulheres na política é um compromisso meu, independente da função que eu venha a exercer”, detalha a candidata.

Ela também comentou uma das pesquisas divulgadas na última semana que coloca sua chapa em vantagem em relação ao candidato à reeleição, o atual prefeito Herzem Gusmão. A pesquisa do A Tarde/Potencial Pesquisa aponta que mulheres e jovens têm preferência pelo candidato Zé Raimundo. Entre as mulheres, Zé Raimundo tem a preferência de 34% contra 24% que afirmaram optar por Herzem.

“Eu não me surpreendi com esse dado. Jovens e mulheres são uma parcela significativa da população do município. São também quem mais sofre com a falta de oportunidades. Portanto, são também os que mais sentem na pele os impactos de uma gestão que estimula a desigualdade, a exclusão, que não trabalha para quem mais precisa”, avalia.

Para Luciana, “as boas gestões de Zé, como prefeito e deputado, pautadas na participação popular, no trabalho em bairros e setores mais vulneráveis, estão na memória das pessoas. Elas reconhecem quando a pessoa é séria, quando cumpre o que fala. Os números estão aí, demonstram o sentimento da população”.