WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

FJS

prefeitura de pocoes


abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  


cobra produtora marcus solla acougues angelica

:: ‘Geral’

Chuvas devem chegar à Bahia a partir de domingo e avançar por todo estado ao longo da semana

As chuvas estão previstas para retornar à maior parte da Bahia a partir do início da próxima semana, conforme apontam de maneira unânime os modelos e institutos de meteorologia, tanto nacionais quanto internacionais. A expectativa por essas precipitações é grande em praticamente todo o estado, especialmente nos cerca de 150 municípios que enfrentam situação de emergência reconhecida em nível estadual, devido à estiagem prolongada que afeta as regiões Norte e Nordeste do Brasil.

O prognóstico obtido nas diversas fontes de previsão meteorológica nesta quarta-feira (13) aponta para a ocorrência de dias chuvosos no encerramento de 2023, ano caracterizado por temperaturas extremamente elevadas e por uma estiagem severa.

Uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) deve deixar o fim de ano bastante chuvoso na Região Sudeste e parte destas chuvas pode alcançar às áreas mais ao Sul e Oeste da Bahia. Também deve ocorrer, de forma simultânea, a atuação de uma Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), concentrando chuvas ao norte da Região Nordeste.

Jovem é morto a tiros em calçada de bar

Um jovem, de 22 anos, foi morto a tiros na noite deste domingo (10) em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá. a vítima, identificada como Orlan Santos, estava na calçada em frente a um bar no Entroncamento de Jaguaquara, quando foi surpreendido por dois homens armados e encapuzados.

Os acusados, que chegaram a pé ao local, atiraram várias vezes e fugiram em seguida. Há dois meses, Jaguaquara não registrava homicídios.

O corpo da vítima foi levava para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Jequié, no Sudoeste. A autoria e a motivação do crime devem ser investigadas pela delegacia de Jaguaquara.

Bahia: Quatro investigados por mais de 10 homicídios morrem em confronto com a PM

Quatro homens investigados por mais de 10 homicídios em Várzea da Roça, cidade a cerca de 308 km de Salvador, morreram em confronto com policiais, neste sábado (9), em um distrito do mesmo município. A informação é da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

Com dados dos investigadores da delegacia de Várzea da Roça, equipes da 91ª Companhia Independente da Polícia Militar, Rondesp Chapada e Cipe Caatinga chegaram até o distrito de Jurema, para averiguar informações sobre tráfico de drogas e homens que exibiam armas, além de ameaças a moradores.

Conforme detalhou o comandante da Cipe Caatinga, capitão Érico de Carvalho, cerca de dez homens armados atiraram contra os policiais quando viram as equipes de segurança. Houve confronto, quatro deles foram atingidos e não resistiram aos ferimentos. Com o quarteto foram apreendidos três pistolas calibres 9mm e 380, três espingardas, munições, coletes, drogas, celulares e balança.

Segundo o delegado responsável pela unidade policial de Várzea da Roça, Paulo Vitor Muniz, os quatros são investigados utilizavam requintes de crueldade para matar as vítimas, além de filmar algumas das execuções. Ele disse ainda que a Polícia Civil vai seguir com o trabalho de investigação para elucidação dos crimes cometidos.

Presença confirmada! Camila Garcez é advogada, candomblecista, mestre em Direito Público pela Ufba, professora, integrante da Comissão Especial de Combate à Intolerância Religiosa da Ordem dos Advogados da Bahia (OAB-BA) e articulista da coluna Olhares Interseccionais, do Portal Migalhas

Ela é uma das palestrantes do Panorama das Mulheres na Bahia, que a SEI realiza no próximo dia 14 de dezembro, no Museu de Arte da Bahia, e vai contribuir com o olhar sobre a questão racial entre as mulheres. Participe!

O evento tem apoio da Secretaria de Política para as Mulheres (SPM), Ipac e MAB. Será aberto ao público até a lotação do espaço. Na oportunidade será lançada a publicação Série Estudos e Pesquisas (SEP 109) com o título Panorama das Mulheres na Bahia. Compareça e ganhe seu exemplar.

Nota de repúdio contra o advogado Alain

Nessa segunda feira foi colocado um áudio do advogado alaim comparando trabalhadores e eleitores do grupo 65 de chifrudos uma pessoa que é advogado vai pra redes sociais com palavras de baixo calão isso é uma vergonha para uma classe tao respeitada como advogado esperamos que AOB e o ministério público tomem providências isso não é uma atitude de um advogado fica nosso repúdio contra as falas sem respeito a população de poções

Ao lado da nossa secretária municipal de saúde, Luciana Vasconcelos,a Prefeita da Cidade estar em Salvador, empenhada em garantir benefícios para a nossa Poções.

Nesta segunda-feira (26/11), celebramos a chegada de uma nova ambulância do SAMU 192. Durante esse momento especial, tive a honra de estar com o nosso governador, Jerônimo Rodrigues; a secretária de saúde da Bahia, Roberta Silva de Carvalho; a Ministra da Saúde, Nísia Trindade; e a deputada federal, Alice Portugal.

O novo veículo 🚑 foi retirado em Vitória da Conquista, pelo nosso diretor da Saúde, Flávio D’Antonio, na tarde de hoje.

Essa é mais uma conquista nossa, junto aos governos estadual e federal. Juntos, trabalhamos para assegurar o bem-estar e a segurança da população poçoense.🙏🏽

Poções segue avançando em saúde!🚀

@govba
@jeronimorodriguesba
@governodobrasil
@nisiatrindadelima
@robertasantanaba
@aliceportugal
@luvasconcelos02
@flavio.dantonio.58

Conquista: Mulher é socorrida pela PRF após ser agredida e ter rosto desfigurado

Os policiais rodoviários federais socorreram uma mulher com sinais de agressão e com o rosto desfigurado ontem (24), na BR-116, trecho de Vitória da Conquista.

Segundo a PRF, os policiais estavam fiscalizando a rodovia, quando perceberam uma mulher caminhando pista.

Ao se aproximarem, os PRFs perceberam que a mulher apresentava confusão mental e diversos hematomas no rosto. A vítima estava muito debilitada fisicamente e não conseguiu falar nada com os agentes.

Diante da gravidade da situação, foi solicitada a unidade de resgate da Via Bahia para atendimento à mulher. Ela recebeu o primeiro atendimento e foi encaminhada para a UPA de Vitória da Conquista.

A mulher estava sem nenhum documento no momento e não foi possível a sua identificação.

SEI apresenta a Bahia aos países africanos em reunião histórica com embaixadores

Aspectos econômicos e demográficos do território mais negro fora da África foram apresentados hoje (22), pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), no Colóquio Internacional Conexão Bahia – África. O evento, realizado pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial e dos Povos e Comunidades Tradicionais (Sepromi), aconteceu no Novotel Rio Vermelho, em Salvador, reunindo embaixadores de 17 países do continente africano: África do Sul, Mali, Mauritânia, Camarões, Moçambique, Nigéria, Gana, Zimbábue, Togo, República Democrática do Congo, Guiné-Bissau, Malawi, Costa do Marfim, Gabão, Quênia, Namíbia e Tanzânia.

“Primeiro estado do país em proporção de negros, com 80,8% da população autodeclarada negra, a Bahia tem ainda a maior população quilombola do país, guardando uma identidade sociocultural única com os países africanos. Contudo, ainda temos desafios e oportunidades para aprofundar parcerias e negócios”, disse o diretor-geral da SEI, José Acácio Ferreira.

O diretor da SEI participou do primeiro painel do evento. O gestor apresentou a composição das atividades econômicas do estado e apontou possibilidades de ampliação das trocas comerciais. Atualmente, os principais produtos exportados para países da África pelo estado são óleo combustível (75,7% da pauta de exportação para o continente, um montante de US$ 479 milhões), seguido de amoníaco anidro (9,7%, montante de US$ 61 milhões), soja (6,7%, US$ 42 milhões), milho (2,3%, US$ 14 milhões) e pimenta (1,0%, US$ 6 milhões). Dos 55 países da África, os principais que compram da Bahia são Senegal, Togo e África do Sul.

Por outro lado, a Bahia importa óleos brutos de petróleo (63% da pauta de importação a partir do continente, um montante de US$ 1,13 bilhão), nafta (19,3%, US$ 344 milhões), fertilizantes (10,7%, US$ 190 milhões), cacau em grão (2,7%, US$ 49 milhões) e minérios de titânio (1,3%, US$ 22 milhões), com destaque para Angola, Congo e Nigéria.

O colóquio é parte da agenda da comitiva de embaixadores e embaixadoras no Brasil e na Bahia, com a liderança do embaixador da África do Sul, Martin Mbeng, que falou na abertura do evento sobre a importância da visita para ampliar a cooperação sul-sul. “Estamos representando aqui os 34 países africanos que estão visitando o Brasil e também o conjunto dos 54 países do continente. Essa é uma visita ancestral, estamos em casa na Bahia. Escolhemos estar aqui no momento em que se comemora a Consciência Negra. Esperamos criar oportunidades de cooperação em muitas áreas, como comércio, indústria, cultura, transferência de tecnologia e outras”.

A secretária Ângela Guimarães (Sepromi) afirmou a oportunidade histórica de saudar os 54 países africanos representados. “Felicita-nos muito o interesse dos embaixadores por estreitar os laços com nosso estado, que tem características de um país pela sua dimensão e sua diversidade cultural, sua diversidade econômica, os biomas, os 417 municípios com características diversas, por isso compartilhamos desafios comuns com as nações africanas. Esperamos que esse momento resulte na cooperação e ajuda mútua em educação, saúde, cultura, na pesquisa científica e na economia”.

Também participaram da manhã do evento Wilson Andrade, diretor da FIEB, Alexandre Silva, coordenador de Fomento ao Desenvolvimento Industrial da SDE, Ailton Ferreira, assessor especial da Seades, Mércia Porto, superintendente de Promoção da Igualdade Racial da Sepromi, entre outros.

Release e fotos:
https://sei.ba.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=4018:sei-apresenta-a-bahia-aos-paises-africanos-em-reuniao-historica-com-embaixadores&catid=1540&Itemid=1073&lang=pt&Itemid=555

Ascom/SEI
71 3115-4748 / 98856-0656

Lei proíbe contratação no setor público de pessoas condenadas por racismo

um importante passo na luta antirracista e para o enfrentamento ao racismo institucional foi dado na terça-feira (21). O governador Jerônimo Rodrigues sancionou a lei que veda a nomeação para cargos públicos de pessoas que tenham sido condenadas por crimes de racismo, de acordo com a Lei Federal n° 7.716, de 5 de janeiro de 1989 – Lei do Racismo, bem como pelo art. 140, § 3 do Código Penal – Injúria Racial.

Para o governador, o projeto de lei contribui com a construção de políticas antirracistas no Estado. “Todos aqueles que praticam qualquer ato racista, em qualquer lugar, precisam entender que o Estado está alerta a isso. Não vamos deixar que essas pessoas tenham a oportunidade de praticar o racismo institucional em cargos de Governo”.

O projeto de lei, de autoria da deputada estadual Fabíola Mansur, foi aprovado, de forma unânime, pela Assembleia Legislativa no último mês de agosto. De acordo com a deputada, a motivação para criar esse projeto foi reparar essa distorção, pois com 80% da população negra, a Bahia ainda não contava com esse dispositivo no Estatuto do Servidor. “Houve um caso no mês de março, e percebemos que não havia no Estatuto do Servidor algo que vedasse a nomeação de pessoas condenadas por racismo e injúria racial. O projeto faz parte da nossa aprendizagem constante na luta antirracista”, afirmou a parlamentar.

A assinatura sancionando a lei foi realizada durante o evento em celebração ao Novembro Negro, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, na noite desta terça-feira (21).

Urgente: Mulher presa como falsa médica em Conquista é internada na UTI após ingerir coquetel de medicamentos

Leiliana Cerqueira Vidal, enfermeira presa no último dia 10 por exercer ilegalmente a função de médica pediatra em uma clínica de um shopping em Vitória da Conquista, ingeriu um coquetel de medicamentos na cela do Conjunto Penal de Jequié.

Leiliana foi encaminhada à emergência do Hospital Geral Prado Valadares, onde permaneceu na sala vermelha por um período, recebendo atendimento médico. A equipe médica recomendou sua transferência para a UTI, onde agora se encontra sob observação.

A enfermeira enfrenta acusações sérias por utilizar indevidamente o registro de outra profissional, falsificar diplomas e forjar a própria morte.

Relembre o caso: Leiliana Cerqueira Vidal, de 42 anos de idade, foi detida, enquanto realizava atendimentos de pediatria em uma clínica pediátrica particular em Vitória da Conquista.

Ela atendia como pediatra utilizando o número de registro de outra médica, Luciana Silva Amaral, cadastrada para exercer a profissão. A operação foi deflagrada após uma denúncia do Conselho Regional de Medicina (CREMEB) feita aproximadamente há um mês.

Leiliana Cerqueira Vidal é, na realidade, enfermeira formada na cidade de Jequié. Em agosto deste ano, ela já havia sido presa na cidade de Tanhaçu pelos mesmos crimes.

As investigações apontaram que a falsa médica falsificou um diploma de medicina, um RG e a carteira do CREMEB pertencentes a outra profissional. Com esses documentos fraudulentos, ela buscou contratos em diversos hospitais e clínicas da região, obtendo sucesso em alguns casos.

Além desses crimes, a captura de Leiliana tem mais um detalhe. Ela forjou a própria morte e falsificou o atestado de óbito.

Na certidão, Leiliana é dada como morta em 8 de setembro de 2023, às 19h03, por “AVC hemorrágico, hipertensial arterial e parestesia total”. O registro oficial foi feito seis dias depois, constando que a suposta falecida não deixou bens, nem herdeiros.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia