WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



thiago inacio

 

diego oliveira engenheiro

Fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« jan    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  





marcus solla acougues angelica cidade jardim deputado fabricio

:: 8/fev/2018 . 19:57

CHUVA FORTE HOJE A TARDE NA CIDADE DE BARRA DO CHOÇA [VEJAM UM VÍDEO ]

[foto enviada para o poções24hs]

 

CHUVA AGORA A TARDE NA CIDADE DE POÇÕES-BA

[FOTO ADRIANO CRUZ POÇOES24HS ]

Empenho de Fabrício garante instalação elétrica em localidades de Conquista

O Programa Luz para Todos foi lançado em novembro de 2003, com o desafio de acabar com a exclusão elétrica no Brasil. Hoje, o Luz para Todos, pode ser considerado um dos programas de políticas públicas mais bem sucedidos do país.  E por meio de esforços do Deputado Estadual Fabrício Falcão (PCdoB), mediante à Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) a eletricidade tem chegado à parcela da população, da região de Vitória da Conquista, que ainda não tinha acesso a esse serviço essencial.

O atendimento abrange escolas rurais, quilombos, assentamentos e pequenos agricultores localizado nos povoados de São Joaquim, Deus Dará, Lagoa de Melquides, Amargoso, Lagoa da Pedra, Cobras, Veredinha, Pé de Galinha, Loteamento Campo das Flores e Fazenda Alto da Floresta. E os números são animadores, um investimento de mais de R$ 800 mil conectando centenas de famílias com à rede de eletricidade.

“Os objetivos do Luz para Todos vêm de encontro as metas do nosso mandato que é a integração com programas sociais de saúde e educação, em uma dinâmica favorável ao desenvolvimento econômico e social das pessoas”, explica Fabrício. Ainda segundo ele “as instalações não param por aí. Já estamos buscando o benefício para outras localidades”.

EXCLUSIVO: A reportagem do POÇÕES24HRS esteve na delegacia para obter mais informações sobre as notas falsas que estam circulando em poções e região.

[FOTO ADRIANO CRUZ POÇOES24HS ]

A reportagem do  POÇÕES24HRS, esteve na manhã de hoje, 08/02/2018, na delegacia de Policia Civil local, onde pode constatar  pessoalmente , as notas falsas apreendidas naquela Unidade Policial. Nossa reportagem, com o intuito de alertar e prestar o melhor serviço á nossa população , Vem em primeira mão divulgar a numeração das referidas notas, de forma que, as pessoas possam, no momento em que receber  as notas principalmente no valor de R$10,00, possa fazer a devida conferencia, a sequência numérica é 0001000352nC. Pode ser que outras  numerações surjam futuramente. O intuito de nossa reportagem, é informar á população, que em caso de recebimento de notas, que julguem ser de características diversas nas originais, NÃO ficarem ou repassarem as mesmas. A orientação da policia civil , é que tais notas sejam entregues na delegacia local, as pessoas terão uma orientação mais detalhada, pois , as pessoas se as pessoas repassarem as notas, tendo a consciência de que são falsas, incorrerão em crime de ESTELIONATO

[FOTO ADRIANO CRUZ POÇOES24HS ]

[FOTO ADRIANO CRUZ POÇOES24HS ]

PF prende deputado João Rodrigues no aeroporto de Guarulhos

[PF prende deputado João Rodrigues no aeroporto de Guarulhos]08 de Fevereiro de 2018 às 07:20 Por: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados Por: Redação BNews00comentários

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta quinta-feira (8) o deputado federal João Rodrigues (PSD) no aeroporto de Guarulhos.

Na terça-feira (6), o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a execução imediata de pena do parlamentar, condenado a cinco anos e três meses de reclusão em regime semiaberto pelo Tribunal Regional Federal (TRF-4) por fraude e dispensa de licitação.

O advogado de defesa do deputado, Marlon Bertol, acredita na reversão do caso mesmo com a prisão. “Vamos resolver insistindo na tese de que a prescrição ocorreu em 18 de dezembro. Temos dois votos neste sentido. Nos embargos de declaração explicaremos melhor a tese da prescrição e acredito teremos ao menos mais um voto pela prescrição e tudo estará resolvido. O triste é que até julgar estes embargos, João vai estar detido”, disse.

João Rodrigues foi condenado em 2009 pelo TRF-4, em Porto Alegre (RS). À época, ele era prefeito de Chapecó (SC) e por isso foi julgado diretamente na segunda instância da Justiça. A acusação, no entanto, refere-se a fatos ocorridos em 1999, quando ele exerceu por 30 dias o cargo de prefeito interino de Pinhalzinho (SC).

Entenda o caso
Segundo o Ministério Público Federal, João Rodrigues autorizou licitação para a compra de uma retroescavadeira para a Prefeitura de Pinhalzinho por R$ 60 mil.

Como parte do pagamento, foi entregue uma retroescavadeira usada, no valor de R$ 23 mil. Conforme o MPF, a comissão que avaliaria o preço da máquina usada, contudo, só foi nomeada dois dias depois do edital de tomada de preços, onde já constavam os R$ 23 mil.

A licitação foi feita na modalidade de tomada de preços e houve somente uma concorrente, da cidade de São José, a 650 quilômetros de Pinhalzinho.

A empresa vencedora teria recebido R$ 95,2 mil mais a máquina usada. Além disso, a máquina usada teria sido vendida a um terceiro, por R$ 35 mil.

Como Rodrigues assumiu o mandato de deputado federal em 2011, o processo foi remetido para o STF.

point do acai

 

 

vereador eduardo do sindicato

ciro leto

 

clinica ima corpus

pocoes cell

j guilherme






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia