João Alves Bel de Jesus Filho, de 20 anos, e Daivid de Oliveira, 18. Policiais da Delegacia Territorial (DT) de Belmonte prenderam, na segunda-feira (4), João Alves Bel de Jesus Filho, de 20 anos, e Daivid de Oliveira, 18, suspeitos de participação na morte de Djailson Passos da Silva, o “Ulisses”, 26, que estava desaparecido há uma semana e cujo corpo foi localizado enterrado numa grota de difícil acesso.
Os investigadores estavam no encalço do principal suspeito do assassinato Rozenildo Barbosa Souza, o “Nego Velho”, quando se depararam com João e Daivid, ambos a bordo de um Ford EcoSport, branco, placa PKD – 0404, roubado em Itabuna. Rozenildo continua sendo procurado e já é considerado foragido.
De acordo com as investigações, o crime foi motivado pela disputa por pontos de venda de drogas, no Distrito de Boca do Córrego, em Belmonte. João e Daivid foram conduzidos à DT/Belmonte, autuados em flagrante por receptação qualificada e encaminhados ao sistema prisional.

ARMAS ARTESANAIS

Nas buscas a “Nego Velho”, os policias encontraram num imóvel que o criminoso utiliza para se esconder uma fabriqueta de armas artesanais e objetos que indicam venda de drogas no local. Diversos instrumentos para confecção de armas, além de uma balança de precisão e material para embalar drogas foram apreendidos.João Alves Bel de Jesus Filho, de 20 anos, e Daivid de Oliveira, 18.