Em segundo dia de julgamento, a médica Kátia Vargas acusada de provocar o acidente que matou os irmãos Emanuel e Emanuelle Gomes Dias, foi absolvida nesta quarta-feira (6) em júri popular, por 4 votos a 3. A sentença será proferida nos próximos minutos.
O caso
O caso aconteceu no dia 11 de outubro de 2013, em frente ao Bahia Othon Palace, na Avenida Oceânica, em Salvador, após uma discussão de trânsito entre Kátia e um dos irmãos que estavam em uma moto.

Após a desavença, a médica perseguiu os jovens e atingiu o veículo com o carro que ela dirigia. Depois do acidente, Kátia Vargas ficou presa por 2 meses no Presídio Feminino de Salvador, no Complexo Penitenciário da Mata Escura, por homicídio triplamente qualificado. Atualmente ela responde o processo em liberdade.